Curso: TÉCNICO EM DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS - NOVO ENSINO MÉDIO SENAI/CE - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
telefone(85) 4009.6300
telefone Portal do Cliente

TÉCNICO EM DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS - NOVO ENSINO MÉDIO

Objetivo

Desenvolver sistemas computacionais, atendendo normas e padrão de qualidade, usabilidade, robustez, integridade e segurança.

Pré-requisito

Para realizar a matrícula, o interessado deverá:
- ter concluído o Ensino médio ou estar cursando no mínimo o 2º ano do ensino médio.

A matrícula poderá ser efetivada por interessados (ou responsável legal) com a apresentação de cópias dos seguintes documentos:
- histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio ou declaração da escola comprovando que o aluno está devidamente matriculado e frequentando regularmente, no mínimo, o 2º ano do ensino médio;
- carteira de identidade ou carteira nacional de habilitação;
- cadastro de pessoa física – CPF;
- comprovante de residência;
- duas fotos 3X4 atualizadas.


Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

1. Motivadores pessoais e profissionais.
2. Valores e crenças como causa de características pessoais.
3. Talentos e habilidades.
4. Competências.
5. Aptidões.
6. Forças e oportunidades de desenvolvimento.
7. Sonhos e planos.
8. Valores, crenças e urbanidade como balizadores da convivência cidadã.
9. Colaboração e cooperação.
10. Trabalho em equipe: comunicação (saber ouvir e saber quando usar a palavra), liderança, definição de papéis, compromisso com objetivos e metas.
11. Habilidades socioemocionais (Autocontrole, Adaptabilidade, flexibilidade, ...)
12. Atitudes (empatia,...)
13. Comportamento. Direitos e deveres: individuais e coletivos. 1. Raciocínio lógico: indutivo, dedutivo, hipotético, inferencial e lógica de programação (Arduino©).
2. Criatividade, pesquisa e inovação.
3. Pensamento crítico.
4. Gestão de recursos físicos, humanos, financeiros e de tempo.
5. Análise de variáveis em cronogramas, tabelas e gráficos, e previsão de consequências.
6. Tomadas de decisão embasadas por comportamentos éticos,
7. Colaboração e cooperação.
8. Comunicação (saber ouvir e saber quando usar a palavra).
9. Liderança.
10. Definição de papéis.
11. Compromisso com objetivos e metas.
12. Características pessoais: autocontrole, adaptabilidade, flexibilidade e empatia.
13. Níveis hierárquicos, atribuições nas organizações e níveis de comunicação.
14. Identificação e administração de conflitos.
15. Responsabilidade.
16. Engajamento.
17. Atenção.
18. Organização.
19. Precisão.
20. Zelo.
21. Resiliência.
22. Mídias sociais.
23. Ambiente de nuvem.
24. Ferramentas de comunicação instantânea.
25. Segurança da informação.
26. Ética no uso das mídias sociais.
27. Direito autoral.
28. Ferramentas da qualidade. Profissões:
29. O que, como e onde faz e que recursos utiliza;
30. Características pessoais necessárias para a profissão e tendências futuras;
31. Situações de risco à integridade pessoal (doenças ocupacionais, insalubridade, periculosidade, assédio, agentes agressores, posições não ergonômicas de trabalho, acidentes de trabalho e uso de Equipamento de Proteção Individual –EPI e Equipamento de Proteção Coletiva – EPC);
32. Situações de riscos ao meio ambiente (geração e destinação não adequadas de resíduos, uso racional de recursos e sustentabilidade);
33. Trajetória de formação exigida, tendências futuras e faixa salarial;
34. Setores do mercado de trabalho (1º, 2º, 3º e 4º) em que está inserido, tendência da profissão, empregabilidade e empreendedorismo;
35. Órgãos de classe e registros profissionais. 1. Estágio: objetivo, possibilidades, legislação
2. Programa Jovem Aprendiz
3. Programas de Trainee
4. Cursos profissionalizantes: técnicos, superiores de tecnologia, bacharelados e licenciaturas
5. Cursos de qualificação, aperfeiçoamentos
6. Pós-graduação: especialização, mestrado, doutorado, pós-doutorado
7. Cursos de idiomas
8. Carreira militar
9. Planejamento profissional
10. Fontes de financiamento: recursos próprios, governamentais, instituições financeiras, fundações, bolsas de estudos, entre outros
11. Redes de relacionamento, educação financeira e design thinking. 1. Fundamentos de hardware, fundamentos do software,
2. Fundamentos de sistemas operacionais,
3. Fundamentos de redes de computadores,
4. Segurança do trabalho informática,
5. Segurança da informação, trabalho em equipe,
6. Organização de ambientes de trabalho organização do espaço de trabalho,
7. Organização de ferramentas e instrumentos: formas, importância, iniciativa, conceito; importância, valor; formas de demonstrar iniciativa;
8. Consequências favoráveis e desfavoráveis.
1. Banco de dados;
2. Modelagem de Dados;
3. Normalização.
1. Unidades de medida de transferência de dados (bps, Kbps, Mbps, Gbps, Tbps…);
2. Tipos comuns de interfaces de rede;
3. Tipos comuns de serviços de Internet; Tipos de armazenamento em redes;
4. Conceitos básicos de rede.
1. Abstração lógica; Introdução ao Raciocínio Lógico;
2. Tabela Verdade;
3. Fundamentos; Programa;
4. Programação estruturada.;
5. Variáveis; Constantes; Operadores;
6. Padrões de nomenclatura e convenções de linguagem;
7. Ferramentas para elaboração de algoritmos;
8. Instruções de entrada e saída de dados;
9. Estrutura de repetição.
1. Abstração lógica
2. Álgebra booleana
3. Fluxogramas
4. Organogramas
5. Representações gráficas
6. Tipos de dados
7. Variáveis e constantes
8. Expressões lógicas e aritméticas
9. Pseudocódigo;
10. Legibilidade de código fonte: padrões de nomenclatura e convenções de linguagem
11. Ferramentas para elaboração de algoritmos
12. Teste de mesa
13. Recursividade
14. Estruturas de dados
15. Vetores
16. Matrizes
17. Registros
18. Pilha
19. Fila
20. Algoritmo de ordenação
21. Algoritmo de busca
22. Modularização
23. Indentação e comentários de código. 1. Eletrônica Digital: Portas Lógicas, Conversores, Tipos e características de sensores, Transdutores e conversores.
2. Eletrônica Analógica: Diodos retificadores, Diodos Emissores de Luz (LED), Fontes de alimentação, Transistores bipolares, Amplificadores operacionais, Tiristores.
3. Dispositivos de proteção elétrica, Aterramento elétrico, Riscos elétricos. Carga elétrica: Eletrização, Condutores, Isolantes, Potencial elétrico, Diferença de potencial.
4. Magnetismo e Eletromagnetismo.
5. Multímetro.
6. Lei de Ohm.
7. Conceitos de eletricidade.
8. Corrente elétrica, Tensão elétrica, Potência elétrica, Frequência, Resistência elétrica, Capacitância, Indutância e Impedância.
1. Big Data, Extração de dados estruturados, Fundamentos de PL/SQL, Banco de dados não relacional.
2. Metodologia de Segurança de Dados.
3. Gerenciamento do Banco de Dados: Sistemas de gerenciamento de banco de dados, Modelagem de Dados, Modelo lógico e físico.
4. Organização de dados: Estruturação e organização de dados, Coleta de dados, Formas de apresentação e Sistematização e tratamento de dados
1. Preparação do ambiente
2. Ferramentas (função, repositórios, IDE, instalação (configuração, requisitos mínimos, ...)
3. Linguagem de programação estruturada
4. Linguagem de programação orientada a objetos
5. Conexão com banco de dados, técnicas de programação
6. Técnicas de programação
7. Linguagem de programação orientada a objetos
8. Ética profissional, trabalho e profissionalismo
9. Gestão da qualidade
1. Robótica: Sensores, Atuadores, Parametrização de robôs.
2. Conectividade de software: Open Platform Communications (OPC), Message Queuing Telemetry Transport (MQTT), Protocolos para IOT.
3. Conectividade de hardware: Satélite, Bluetooth, Wi-Fi, Rádio.
4. Linguagem de programação de baixo nível.
5. Configuração de equipamentos de Redes de Computadores. Microcontroladores: Aplicações, Arduino.
6. Fundamentos de Internet das Coisas
1. Teste de sistemas definições
2. Planejamento de testes
3. Execução de teste
4. Virtudes profissionais
5. Organização do trabalho – aplicação
6. Qualidade (conceito e aplicação). 1. Implantação de sistemas
2. Treinamento de usuário/cliente
3. Manual de usuário
4. Autoempreendedorismo
5. Organização do trabalho
6. Treinamento 1. Modelagem de Negócios
2. Canvas
3. Organização de dados
4. Autonomia
5. Iniciativa
6. Fundamentos de User Experience (UX)
7. Projeção de sistemas para conectividade e interoperabilidade
8. Técnicas de Modelagem
9. Modelagem de Sistemas
10. Requisitos de Sistemas
11. Regra de negócio
1. Suporte e chamados de serviços de manutenção
2. Manutenção de sistemas
3. Trabalho em grupo
4. Organização do trabalho
5. Aplicação ferramentas de gerenciamento ciclo de PDCA
6. Indicadores de desempenho
7. Análise de indicadores
8. Processo de melhorias 1. Visão Sistêmica.
2. Planejamento Estratégico.
3. Organização do trabalho.
4. Princípios da comunicação profissional e postura.
5. Utilização em plataformas de desenvolvimento em nuvem.
6. Design de interface para interação de subsistemas.
7. Integração de sistemas: Padrões de projetos (Design Patterns), Gerência de configuração, Ferramentas, Controle de versão, Rastreabilidade, Documentação. Linguagem de programação: Tipos, Ferramentas, Boas práticas, Bibliotecas e APIs, Frameworks, Multiplataformas.
8. Técnicas de definição de prazos.
9. Metodologia de desenvolvimento de sistemas.
10. Aplicabilidade

Carga Horária

1200 Horas
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
Política de Privacidade & Copyright