telefone(85) 4009.6300
telefone Portal do Cliente

TÉCNICO EM MECÂNICA

Objetivo

Habilitar profissionais para atuar no desenvolvimento de projetos, controlar processos de produção mecânica e realizar a manutenção mecânica de máquinas e equipamentos segundo normas técnicas, considerando padrões de qualidade, de saúde e segurança no trabalho e meio ambiente.

Pré-requisito

O aprendiz é selecionado pela empresa contratante e encaminhado ao SENAI

Deve ter entre 14 e 24 anos, mas caso tenha alguma deficiência, não haverá limite máximo de idade para a contratação.
É importante destacar que no caso de menor de idade, o aprendiz só poderá realizar atividades administrativas durante a prática profissional.

Deve está cursando ou ter concluído o ensino médio.

No ato da matrícula deve apresentar cópia e original dos documentos de:
- RG
- CPF
- comprovante de residência
- comprovante de escolaridade.
Em caso de cópia autenticada, não é necessário apresentar o original.

Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

1. Metrologia (Conceito, Histórico e Aplicação)
1.1. Normas (INMETRO, ABNT, DIN e ISO)
1.2. Medidas e convenções
1.3. Métodos de medição
1.3.1. Diretos ? características e aplicações
1.3.2. Indiretos ? conceitos
1.4. Instrumentos de medição ? tipos, aplicação e leitura
1.4.1. Régua graduada
1.4.2. Paquímetro (leitura no sistema métrico e inglês fracionário)
1.4.3. Micrômetro
1.4.4. Goniômetro
1.4.5. Relógio comparador
1.4.6. Relógio apalpador
1.4.7. Traçador de altura
1.5. Instrumentos de controle ? tipos e aplicação
1.5.1. Verificador de raio
1.5.2. Verificador de rosca
1.5.3. Esquadro
1.5.4. Régua de controle
1.5.5. Calibrador passa não passa
1.6. Tolerância dimensional
1.6.1. Conceito
1.6.2. Normas ISO
2. Desenho Mecânico
2.1. Importância
2.2. Instrumentos
2.3. Linhas
2.4. Caligrafia
2.5. Formatos de papéis, dobras, margens e legendas
2.6. Normas de desenho
2.7. Introdução ao desenho geométrico
2.8. Projeções em 1o e 3o diedros
2.9. Vistas essenciais
2.10. Supressão de vistas
2.11. Vista auxiliar
2.12. Vista auxiliar simplificada
2.13. Rotação de detalhes oblíquos
2.14. Cotagem
2.15. Regras de cotagem
2.16. Representação das cotas
2.17. Símbolos e convenções
2.18. Cotagem de detalhes
2.19. Escalas
3. Tolerância dimensional
3.1. Representação em corte
3.2. Hachuras
3.3. Linhas de corte
3.4. Corte parcial
3.5. Meio corte
3.6. Corte total
3.7. Omissão de corte
3.8. Seções
3.9. Rupturas
3.10. Perspectivas
3.11. Elementos de máquinas
3.12. Simbologia de solda
4. Tecnologia Mecânica
4.1. Histórico e evolução da mecânica
4.2. Materiais
4.2.1. Tipos e características dos materiais
4.2.2. Ferrosos
4.2.3. Não ferrosos
4.2.4. Sintéticos
4.2.5. Naturais
4.2.6. Propriedades dos materiais
4.2.7. Processos de obtenção
4.2.8. Formas comerciais
4.2.9. Normas e padronização
4.2.10. Armazenamento de materiais
4.2.11. Uso racional de materiais
4.3. Substância para recobrimento de superfície (traçagem)
4.4. Lubrificantes
4.4.1. Tipos, características e aplicações
4.4.2. Classificação
4.4.3. Sistemas de lubrificação
4.5. Fluidos de corte
4.5.1. Tipos, características e aplicações
4.6. Elementos de máquina
4.6.1. Tipos
4.6.2. Características
4.6.3. Aplicações
4.7. Fundamentos de física aplicada
4.8. Torque
4.9. Momento de Inércia
4.10. Atrito, desgaste e rendimento
4.11. Conservação da energia
4.12. Segurança
4.12.1. EPI e EPC (tipos, características e aplicações)
4.12.2. Atos inseguros
4.12.3. Condições inseguras
5. Informática
6. Editor de texto
6.1. Planilha eletrônica
6.2. Apresentação multimídia
6.3. Internet (utilização de browser, buscas e refinamentos)
6.4. Meios eletrônicos de comunicação (e-mail, fórum, chat)
7. Comunicação
7.1. Técnicas de pesquisa
7.2. Técnicas de apresentação e argumentação
7.3. Vocabulário técnico
7.4. Leitura e interpretação de textos técnicos
7.5. Normas de formatação de textos
7.6. Redação técnica: relatório, memorando, ata, ofício, carta
8. Ferramentas da Qualidade
8.1. 5S
9. Ética
9.1. Ética nos relacionamentos sociais
10. Qualidade Total
10.1. Conceito
10.2. Eficiência
10.3. Eficácia
10.4. Melhoria contínua
11. Dados e Informações
11.1. Seleção
11.2. Sistematização
11.3. Organização
11.4. Apresentação
12. Pesquisa e Análise de Informações
12.1. Técnicas de pesquisa
12.2. Fontes de consulta
12.3. Seleção de informações
12.4. Análise das informações e conclusões 1. Ferramentas Manuais (Tipos, Características e Aplicações)
1.1. De traçagem
1.2. De corte
1.3. De fixação
2. Ferramentas Portáteis Elétricas Usadas na Mecânica: Tipos e Aplicações
2.1. Furadeira
2.2. Lixadeira/esmeriladeira
2.3. Parafusadeiras
2.4. Retificadeira portátil
3. Anéis Graduados em Máquinas ferramenta
3.1. Tipos e características
4. Torno Mecânico
4.1. Tipos
4.2. Aplicações
4.3. Nomenclatura
4.4. Características
4.5. Funcionamento
4.6. Recomendações no uso
4.7. Acessórios
5. Fresadoras
5.1. Tipos
5.2. Aplicações
5.3. Nomenclatura
5.4. Características
5.5. Funcionamento
5.6. Recomendações no uso
5.7. Acessórios
6. Furadeiras
6.1. Tipos
6.2. Aplicações
6.3. Nomenclatura
6.4. Características
6.5. Funcionamento
6.6. Recomendações no uso
6.7. Acessórios
7. Moto esmeril
7.1. Tipos
7.2. Características
7.3. Aplicações
8. Rebolos
8.1. Tipos
8.2. Características
8.3. Aplicações
9. Serra Mecânica
9.1. Tipos
9.2. Características
9.3. Aplicações
10. Retificadoras
10.1. Tipos
10.2. Características
10.3. Aplicações
11. Plainas
11.1. Tipos
11.2. Características
11.3. Aplicações
12. Ferramentas de Corte (Tipos, Características e Aplicações)
12.1. Modos de fixação
12.2. Materiais
12.3. Ângulos
12.4. Cuidados e conservação
12.5. Parâmetros de corte
12.6. Cálculos, tabelas e gráficos
12.7. Códigos de pastilhas intercambiáveis e suportes
12.8. Classes e coberturas
12.9. Dados de corte e escolha das pastilhas e dos suportes
12.10. Fluidos
12.11. Brocas
12.12. Tipos
12.13. Características
12.14. Aplicações
12.15. Defeitos na afiação
13. Roscas
13.1. Tipos
13.2. Características
13.3. Nomenclatura
13.4. Aplicações
13.5. Sistemas
13.6. Cálculos e tabelas
14. Planejamento das Operações de Usinagem
14.1. Equipes de trabalho
14.1.1. Trabalho em grupo
14.1.2. Relações interpessoais
14.1.3. Responsabilidades individuais e coletivas
14.2. Segurança no Trabalho
14.2.1. Acidentes de trabalho: tipos, características e prevenção
14.2.2. Equipamentos de proteção individual e coletiva
14.2.3. Agentes agressores à saúde
14.2.4. Riscos em eletricidade
14.2.5. Sinalização de segurança
14.2.6. Primeiros socorros
14.3. Resolução de Problemas
14.3.1. Identificação de problemas
14.3.2. Alternativas de solução 1. Parâmetros de Projeto (Identificar nos Projetos)
1.1. Elementos normatizados de projetos
1.2. Rasgos
1.3. Furos calibrados
1.4. Leitura e interpretação de desenho técnico mecânico
1.5. Acabamento superficial
1.6. Tolerâncias: dimensional e geométricas
1.7. Representação de elementos de máquinas
1.8. Conjuntos mecânicos
1.9. Vistas explodidas
1.10. Desenho em software CAD
1.11. Tecnologia dos materiais e ensaios
1.12. Propriedades das matérias
1.13. Nomenclatura dos materiais ferrosos, não ferrosos e plásticos de engenharia
1.14. Materiais metálicos
1.15. Materiais plásticos
1.16. Tratamentos térmicos dos aços
1.17. Diagrama ferro-carbono
1.18. Têmpera
1.19. Revenimento
1.20. Recozimento
1.21. Normalização
1.22. Beneficiamento
1.23. Tratamento termoquímico dos aços
1.24. Cementação
1.25. Ensaios mecânicos
1.26. Tração
1.27. Dureza
1.28. Compressão
1.29. Sharpy
1.30. Cisalhamento
1.31. Flexão
1.32. Segurança do trabalho
1.32.1. Fatores de segurança e prevenção de acidentes
1.32.2. Normalização
1.32.3. Prevenção de incêndio
1.32.4. Primeiros socorros
1.32.5. Equipamentos de proteção
1.32.6. Ergonomia
1.33. Preservação ambiental
1.33.1. Impactos ambientais
1.33.2. Destinação de resíduos
1.33.3. Tecnologias mais limpas
1.33.4. Conservação de energia
1.33.5. Normas
2. Processo Produtivo
2.1. Operações de usinagem
2.2. Tornear
2.3. Fresar
2.4. Mandrilar
2.5. Retificar
2.6. Eletroerodir
2.7. Furar
2.8. Processos primários de fabricação mecânica (reconhecimento das características e das aplicações)
2.9. Forjamento
2.10. Extrusão
2.11. Laminação
2.12. Trefilação
2.13. Repuxo
2.14. Dobramento
2.15. Estampagem
2.16. Fundição
2.17. Processos de união de peças
2.18. Características
2.19. Aplicações
2.20. Elementos de fixação permanentes
2.21. Elementos de fixação não permanentes
2.22. Parâmetros de corte
2.23. Especificação de equipamentos, ferramentas e dispositivos
2.24. Características dos processos de fabricação
2.25. Características das máquinas de mercado
2.26. Potência de usinagem
2.27. Potências de máquina
2.28. Velocidade de corte
2.29. Velocidade de avanço
2.30. RPM
2.31. Previsão tempos de produção de peças
2.32. Sistemas de segurança em máquinas ferramenta
2.33. Recomendações dos fabricantes
2.34. Dispositivos de proteção
3. Organização das Etapas do Processo
3.1. Etapas de fabricação ? determinação da sequência lógica de operações
3.2. Características técnicas do projeto
3.3. Planejamento de produção
3.4. Administração de materiais
3.5. Controle de qualidade de materiais
3.6. Operações de compra em grande escala
3.7. Critérios de recebimento e inspeção
3.8. Gestão de pessoas
3.9. Gestão administrativa de pessoas
3.10. Relações humanas no trabalho
3.11. Avaliação de desempenho
4. Parâmetros de Processos Mecânicos
4.1. Organização industrial
4.2. Organograma
4.3. Setores de fabricação
4.4. Setores de apoio
4.5. Características do processo de fabricação
4.6. Indicadores de desempenho
4.7. Metrologia
4.8. Tolerâncias dimensionais
4.9. Tolerâncias geométricas
4.10. Rugosidade superficial
4.11. Blocos padrão
4.12. Rugosidade
4.13. Durômetro
4.14. Projetor de perfil
4.15. Régua e mesa de seno
4.16. Calibração e manutenção de instrumentos
4.17. Medição tridimensional
4.18. Controle no planejamento da produção
4.19. Lista de tarefas
4.20. Diagramas de operações
4.21. Apuração dos tempos
4.22. Tempo padrão
4.23. Determinação da capacidade de produção
5. Implementação de Melhoria
5.1. Controle Estatístico de Processo (CEP)
5.2. Análise de variáveis de processo:
5.2.1. Gráfico de Pareto
5.2.2. Diagrama de causa-efeito
5.2.3. Testes de repetibilidade
6. Ferramentas da Qualidade
6.1. 5S
7. Ética
7.1. Ética nos relacionamentos sociais
8. Qualidade Total
8.1. Conceito
8.2. Eficiência
8.3. Eficácia
8.4. Melhoria contínua
9. Dados e Informações
9.1. Seleção
9.2. Sistematização
9.3. Organização
9.4. Apresentação
10. Pesquisa e Análise de Informações
10.1. Técnicas de pesquisa
10.2. Fontes de consulta
10.3. Seleção de informações
10.4. Análise das informações e das conclusões 1. Manuais de Máquinas CNC
1.1. Interpretação de manuais de máquinas CNC
2. Cuidados na Operação de Máquinas CNC
2.1. Recomendações dos fabricantes
2.2. Dispositivos de proteção
2.3. Recomendações na preparação para usinagem
2.4. Interrupção de usinagem
3. Estrutura Básica de Máquinas CNC
3.1. Características dos processos de fabricação
3.2. Características das máquinas de mercado
4. Máquinas transfer
4.1. Acessórios e dispositivos aplicados a máquinas CNC
5. Operação
5.1. Referenciamento de máquina
5.2. Movimentação manual de eixos
5.3. Operação via comando MDI
5.4. Seleção de programas
5.5. Referenciamento de ferramentas
5.6. Referências de trabalho
5.7. Torneamento de castanhas
5.8. Simulação gráfica e teste de programa
5.9. Problemas de usinagem, causas e soluções
5.10. Correção de ferramentas
5.11. Interpretação de plano de processo
5.12. Sistemas de refrigeração para usinagem em CNC
6. Programação
6.1. Estrutura de programação (reconhecimento)
6.2. Programação manual de torno e centro de usinagem CNC
6.3. Programação automática CAD/CAM
7. Características de Ferramentas para Produção de Peças em CNC
7.1. Especificação de ferramentas e insertos
7.2. Geometria de ferramentas de corte e suas utilizações
8. Cálculo de Potência de Máquinas
8.1. Potência de usinagem
8.2. Potências de máquina
8.3. Tempos de produção peça a peça CNC
9. Programação de Máquina CNC via CAM
9.1. Definição
9.2. Vantagens
9.3. Softwares CAM
9.4. Desenhos CAD para aplicação CAM
9.5. Definição de processos no CAD/CAM
9.6. Pós-processamento
9.7. Estratégias de usinagem
10. Planejamento do Processo
10.1. Características técnicas do projeto
10.2. Definição do plano de produção
11. Riscos de Saúde e Ambientais
11.1. ISO 14000
11.2. Educação em Prevenção de Acidentes ? GEPA/CIPA
11.3. Campanhas de segurança
12. Ferramentas da Qualidade
12.1. 5s
12.2. Ciclo PDCA
12.3. Brainstorming
12.4. Elaboração de carta de controle
12.5. Sistemas de inspeção de peças (amostragem, lote, na fonte)
12.6. Histograma e Curva de Distribuição de Gauss (Curva Normal)
12.7. Gráficos de Controle para Variáveis:
12.7.1. Análise de Estabilidade, Causas Especiais e Causas Comuns
12.7.2. Análise de Capacidade
12.7.3. Diagrama de Causa-Efeito
13. Ética
13.1. Ética nos relacionamentos sociais e profissionais
13.2. Ética no uso de máquinas e equipamentos
14. Equipes de Trabalho
14.1. Definição de objetivos e metas
14.2. Divisão de papéis e responsabilidades
14.3. Lidar com críticas e sugestões
14.4. Fatores de satisfação no trabalho
15. Trabalho e Profissionalismo
15.1. Competência profissional
15.2. Qualidades pessoais e profissionais 1. Elementos e Componentes de Máquina (tipos, aplicação e características)
1.1. Parafusos
1.2. Porcas
1.3. Arruelas
1.4. Chavetas
1.5. Rebites
1.6. Molas
1.7. Anéis elásticos
1.8. Rolamentos
1.9. Polias e correias
1.10. Pinos
1.11. Contrapinos
1.12. Cones normalizados
1.13. Mancais
1.14. Rodas dentadas
1.15. Cabos de aço
1.16. Correntes
1.17. Acoplamentos
1.18. Selo mecânico
1.19. Transmissão
1.20. Travas e vedantes químicos
1.21. Alavancas
1.22. Mangueiras
1.23. Tubulações industriais
1.24. Válvulas
2. Lubrificação
2.1. Características dos lubrificantes
2.2. Organização da lubrificação
2.3. Programa de lubrificação
2.4. Controle do programa de lubrificação
2.5. Armazenagem e manuseio de lubrificantes
2.6. Perfil do lubrificador
3. Plásticos de Engenharia
3.1. Tipos
3.2. Aplicação
3.3. Características
4. Ferramentas de Manutenção
4.1. Manuais
4.2. De extração
4.3. De montagem
5. Instrumentos de Manutenção
5.1. Alinhamento
5.2. Nivelamento
5.3. Aferição
6. Tipos de Manutenção
6.1. Corretiva
6.2. Preventiva
6.3. Preditiva
6.4. TPM
6.5. Novas tecnologias de manutenção
7. Gerenciamento da Manutenção
7.1. Aplicativos para gerenciamento da manutenção
7.2. Registros de manutenção
7.3. Rastreabilidade de registros de manutenção
7.4. Eliminação de falhas e defeitos no processo de manutenção
7.5. Interpretação de registros
8. Normalização
8.1. Normas técnicas
8.2. Normas de saúde e segurança
8.3. Normas ambientais
8.4. Normas de qualidade
8.5. Avaliação de riscos no processo de manutenção
9. Desenho Técnico Mecânico - CAD
9.1. Conjuntos
9.2. Vistas explodidas
9.3. Desenho de esquemas
9.4. Desenho de leiaute
10. Manutenção Aplicada
10.1. Recuperação de elementos de máquinas
10.2. Ajustes de máquinas e equipamentos
10.3. Entrega start up de máquinas e equipamentos
10.4. Movimentação de cargas
10.5. Interpretação de manuais técnicos
10.6. Montagem e desmontagem de elementos de máquina
10.7. Montagem e desmontagem de conjuntos mecânico
10.8. Regulagem e ajustes de equipamentos
11. Processos de Soldagem
11.1. Tipos
11.2. Características
11.3. Aplicações na manutenção
12. Métodos de Intervenção para a Manutenção
12.1. Manutenção preditiva
12.2. Objetivo
12.3. Aplicação
12.4. Técnicas de monitoramento e diagnose (função e aplicação)
12.5. Ensaios não destrutivos
12.6. Raios X Gamagrafia
12.7. Ultrassom
12.8. Emissão acústica
12.9. Partículas magnéticas
12.10. Análise de vibrações
12.11. Termometria
12.12. Termografia
12.13. Análise de óleos
12.14. Manutenção produtiva total
12.15. Evolução da manutenção
12.16. Aplicabilidade da TPM
12.17. A busca do “zero defeito�
13. Planejamento, Programação e Controle da Manutenção
13.1. Custos industriais (noções)
13.2. Planejamento e controle de paradas
13.3. Alocação e controle dos recursos
13.4. Análise e diagnóstico de falhas em máquinas e equipamentos
13.5. Ferramentas de planejamento
13.6. Diagrama de Pareto
13.7. 5W1H
13.8. Diagrama espinha de peixe
13.9. Tratamentos de superfície
13.10. Preparação
13.11. Pintura
14. Avaliação do Processo de Manutenção
14.1. Análise de necessidades de clientes
14.2. Melhorias no processo de manutenção
14.3. Análise de falhas e defeitos
14.4. Análise de riscos em equipamentos
14.5. Organização de ambientes
14.6. Análise de resultados do processo de manutenção
14.7. Análise de parâmetros de equipamentos
14.8. Históricos de manutenção
15. Instalação de Máquinas e Equipamentos
15.1. Leiautes
15.2. Interpretação de manuais de equipamentos
15.3. Nivelamento, alinhamento de máquinas e equipamentos
15.4. Balanceamento e vibração
15.5. Geometria de máquinas
15.6. Procedimentos de instalação de máquinas e equipamentos
15.7. Entrega técnica
15.8. Transporte e movimentação de cargas
15.9. Equipamentos para manuseio e transporte de materiais
16. Disseminação de Informações
16.1. Técnicas de pesquisa
16.2. Preparação de materiais e recursos
16.3. Utilização de recursos audiovisuais
16.4. Apresentação de dados e informações
17. Qualidade de Vida no Trabalho
18. Autorrealização
19. Trabalho em Equipe
19.1. Estrutura
19.2. Organização
19.3. Definição de objetivos e metas
19.4. Definição de papéis e funções
19.5. Ajustes interpessoais
19.6. Intermediação de conflitos
20. Segurança no Trabalho
20.1. Mapa de riscos
20.2. Inspeções de segurança
20.3. PPRA
21. Qualidade Ambiental
21.1. Reciclagem de resíduos
21.2. Descarte de resíduos
21.3. Uso racional de recursos e energias disponíveis
21.4. A importância da reciclagem
21.5. Método de Análise e Solução de Problemas (MASP)
22. Ferramentas da Qualidade
22.1. Custo-Benefício
22.2. Desempenho do produto
22.3. Atendimento ao cliente
22.4. Ferramentas da qualidade: 5W1H e Ishikawa
22.5. Diagrama de Pareto 1. Automação Eletropneumática
1.1. Propriedades, produção, preparação e distribuição do ar comprimido
1.2. Compressores ? características, tipos e aplicações
1.3. Construção e função dos elementos de trabalho
1.4. Elementos de comandos de sinais
1.5. Simbologia
1.6. Comandos sequenciais
1.7. Componentes para eletropneumática
1.8. Desenho de esquemas
1.9. Softwares
2. Automação Eletro-hidráulica
2.1. Fundamentos físicos da hidráulica
2.2. Grupo de acionamento
2.3. Fluidos hidráulicos
2.4. Função e constituição dos elementos hidráulicos
2.5. Simbologia
2.6. Componentes para eletro-hidráulica
2.7. Desenho de esquemas
2.8. Softwares
3. Instalações Elétricas
3.1. Dispositivos de proteção
3.2. Motores elétricos
3.3. Dispositivos de manobra de motores
3.4. Dispositivos de comando, controle e sinalização
3.5. Aterramento
3.6. Softwares
4. CLPs
4.1. Histórico
4.2. Introdução
4.3. Linguagens de programação
4.4. Comandos
4.5. Interfaces de entrada e saída
4.6. Interface analógica
4.7. Módulos
4.8. Interface homem-máquina (IHM)
4.9. Edição
4.10. Compilação
4.11. Simulação
4.12. Desenho de esquemas
5. Segurança
5.1. EPI e EPC
5.2. Análise de riscos em equipamentos
5.3. Legislação de segurança
6. Ética
6.1. Conceitos
6.2. Código de ética profissional
7. Trabalho e Profissionalismo
7.1. Administração do tempo
7.2. Autonomia e iniciativa
7.3. Inovação, flexibilidade e tecnologia 1. Negociação (concepção de projeto)
1.1. Microeconomia (noções): conceitos e classificação de custos; amortização estrutura de custos em projetos planejamento de recursos; orçamentométodo de custeio; análise de investimentos e tomada de decisões
1.2. Padrão de competitividade no setor industrial brasileiro: variáveis que influenciam o negócio; cenário industrial brasileiro
1.3. Técnicas de negociação: gestão empreendedora
2. Planejamento
2.1. Informações básicas ao PCP: conceito PCP; cronoanálise
2.2. Sequenciamento de produção: elaboração do sequenciamento lógico da produção; determinação de carga máquina; determinação de lote econômico de produção
2.3. Gerenciamento de projetos: ferramentas de resolução de problemas; software de gerenciamento de projeto
2.4. Sistemas de produção: histórico do sistema Toyota de produção; conceituação de sistema lean conceituação de produção em série organização de células de manufatura diferenciação do sistema JIT x JIC Kanban
3. Projetos
3.1. Definição de projeto/especificações iniciais: conceituação de projetos mecânicos; metodologias de projeto; otimização de projeto; confiabilidade de sistemas; fatores humanos envolvidos ? criatividade; análise de falhas e seleção de materiais
3.2. Conjuntos mecânicos: características e funções de conjuntos mecânicos
3.3. Elementos de máquinas: seleção de mancais de rolamento; seleção de rolamentos; seleção de mancais de deslizamento; relação de engrenagens; seleção de parafusos; seleção de cabos de aço, correntes, correias
3.4. Resistência dos materiais: esforços cortantes; torção em componentes e peças mecânicas; flexão em componentes e peças mecânicas; solicitações compostas; fadiga; centro de gravidade; deformação plástica e elástica; dimensionamento de elementos mecânicos
3.5. Tratamentos térmicos/Tratamento de superfícies ? tipos, características e aplicações: têmpera por indução; austempera; nitretação; esferoidização galvanização a fogo; cromagem niquelagem; zincagem; cromo duro
3.6. Metalografia; máquinas para metalografia (cortadora, embutidora, lixadeira e politriz, ultrassom)
3.7. Ataques químicos
3.8. Análise metalográfica: macroscópica microscópica; interpretação metalográfica
3.9. Consumíveis
3.10. Prototipagem: técnicas de prototipagem; técnicas de maquetes
3.11. CAD: recursos CAD para projetosconjuntos
4. Técnicas de Comunicação
4.1. Oral
4.2. Escrita
4.3. Visual
4.4. Interatividade
4.5. Sistematização e apresentação de ideias
4.6. Utilização de recursos audiovisuais
5. Ética
5.1. Virtudes profissionais: responsabilidade, iniciativa, honestidade, sigilo, prudência, perseverança, imparcialidade
6. Trabalho em Equipe
6.1. Resolução de conflitos
6.2. Definição da organização do trabalho e dos níveis de autonomia
7. Liderança
7.1. Tipos
7.2. Estilos
7.3. Características
7.4. Coordenação de equipes
7.5. Atribuições do uso da profissão de técnico em mecânica (CREA)
8. Tomada de Decisão
8.1. Decisões programadas
8.2. Decisões não programadas
9. Sistema de Gestão Qualidade
9.1. ISO9001: aspectos centrais
9.2. Sistema de Gestão Ambiental: aspectos centrais da ISO14000
10. Visão Sistêmica
10.1. Sistema de gestão

Carga Horária

2560 Horas
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT