telefone(85) 4009.6300

SENAI Ceará tem a maior taxa de eficácia em manutenção de respiradores do Brasil

13/05/2020 - 11h05

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Ceará) recebeu 73 respiradores para manutenção desde o dia 2/4. Desses, 52 já foram recuperados e retornaram às unidades de saúde. Isso representa um índice de eficácia de 71% no trabalho realizado pela entidade, o maior do Brasil entre os participantes da rede + Manutenção de Respiradores. Mais oito respiradores serão entregues amanhã (14/5).

A iniciativa + Manutenção de Respiradores é uma rede voluntária para realizar a manutenção de respiradores mecânicos que estão sem uso, a fim de ajudar no tratamento de pacientes com a covid-19. Em todo o país, a rede recebeu 2.685 respiradores para manutenção e 745 já foram recuperados, gerando um índice nacional de eficácia de 27,75%.

“A nossa equipe tem trabalhado incansavelmente para conseguir o máximo de eficácia nessa iniciativa. Temos tido o envolvimento efetivo de grandes parceiros, o que confere ainda mais êxito ao Ceará. Continuaremos trabalhando na manutenção desses equipamentos com muita dedicação e afinco, pois temos muita clareza da nossa responsabilidade diante da importância desses respiradores para o tratamento dos pacientes com a covid-19”, afirma o diretor regional do SENAI Ceará, Paulo André Holanda.   

A rede voluntária é formada pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), ArcelorMittal, BMW Group, Fiat Chrysler Automóveis (FCA), Ford, General Motors, Honda, Hyundai Motor Brasil, Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e POLI-USP, Jaguar Land Rover, Mercedes-Benz do Brasil, Moto Honda, Renault, Scania, Toyota, Troller, Usiminas, Vale, Volkswagen do Brasil e Volvo do Brasil.

A Iniciativa + Manutenção de Respiradores tem apoio do Ministério da Saúde, do Ministério da Economia, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e da ABEClin.

A rede conta com 49 pontos para receber os equipamentos, dos quais 24 são unidades do SENAI e o restante nos demais parceiros, atendendo em todos os Estados do Brasil.  No Ceará, o trabalho ocorre na unidade do SENAI em Jacarecanga . A ação é financiada, no Ceará, pela Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap), graças a uma articulação da diretoria de inovação da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), e conta com a parceria do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) e da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Os respiradores mecânicos são essenciais no tratamento de doentes que apresentam sintomas graves da covid-19, pois a Síndrome Respiratória Aguda Grave é um dos efeitos mais sérios da doença. De acordo com a LifesHub Analytics e a Associação Catarinense de Medicina (ACM), existem 65.235 desses equipamentos no país, sendo 17.837 na rede privada e 47.398 no Sistema Único de Saúde (SUS). A estimativa é que cada ventilador recuperado poderá atender até dez pessoas.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

  • CENTRO INTERNACIONAL DE NEGÓCIOS: Facebook
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT