Curso: TÉCNICO EM PLÁSTICO SENAI/CE - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
telefone(85) 4009.6300

TÉCNICO EM PLÁSTICO

Conheça melhor



Pré-requisito

Para realizar a matrícula, o interessado deverá:
- ter concluído o Ensino médio ou estar cursando no mínimo o 2º ano do ensino médio.

A matrícula poderá ser efetivada por interessados (ou responsável legal) com a apresentação de cópias dos seguintes documentos:
- histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio ou declaração da escola comprovando que o aluno está devidamente matriculado e frequentando regularmente, no mínimo, o 2º ano do ensino médio;
- carteira de identidade ou carteira nacional de habilitação;
- cadastro de pessoa física – CPF;
- comprovante de residência;
- duas fotos 3X4 atualizadas.

Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

COMUNICAÇÃO ORAL E ESCRITA
  • 1. Comunicação
  • 1.1. Processo
  • 1.2. Emissor
  • 1.3. Receptor
  • 1.4. Referente
  • 1.5. Mensagem
  • 1.6. Canal
  • 1.7. Código
  • 1.8. Feedback
  • 1.9. Níveis de fala
  • 1.10. Gíria
  • 1.11. Linguagem coloquial
  • 1.12. Língua padrão
  • 2. Técnica de intelecção de texto
  • 2.1. Análise textual: etapa de preparação para a compreensão do texto
  • 2.2. Visão global do texto
  • 2.3. Levantamento dos conceitos e dos termos fundamentais
  • 2.4. Identificação de ideias principais e secundárias do parágrafo
  • 2.5. Identificação das inter-relações textuais
  • 2.6. Identificação de introdução, desenvolvimento e conclusão
  • 2.7. Temática: etapa de compreensão da mensagem global
  • 2.8. Depreensão do assunto
  • 2.9. Depreensão do tema
  • 2.10. Depreensão da mensagem
  • 2.11. Resumo do texto
  • 2.12. Interpretativa: etapa de interpretação do texto
  • 2.13. Coerência interna
  • 2.14. Profundidade no tratamento do tema, validade e relevância da argumentação (e da contra-argumentação)
  • 2.15. Elaboração de texto crítico
  • 3. Parágrafo
  • 3.1. Estrutura interna
  • 3.2. Tópico frasal
  • 3.3. Ideias secundárias
  • 4. Unidade interna
  • 4.1. Sequência de ideias
  • 4.2. Coerência
  • 4.3. Concisão
  • 5. Tipos de parágrafo
  • 5.1. Narrativo
  • 5.2. Descritivo
  • 5.3. Dissertativo
  • 5.4. Descrição de:
  • 5.5. Objeto
  • 5.6. Processo
  • 5.7. Ambiente
  • 6. Dissertação
  • 6.1. Estrutura
  • 6.2. Introdução
  • 6.3. Desenvolvimento
  • 6.4. Conclusão
  • 7. Relatório técnico
  • 7.1. Estrutura básica
  • 7.2. Tipos de relatório
  • 7.3. Relatório de atividade
  • 7.4. Relatório de ocorrência
  • 7.5. Relatório de estudos ou de pesquisa
  • 8. Documentação técnica
  • 8.1. Orçamento
  • 8.2. Ordem de serviço
  • 8.3. Documentação de projeto
  • 8.4. Fichas de segurança de materiais (MSDS)
  • 8.5. Fichas técnicas
  • 9. Técnicas de apresentação
  • 9.1. Planejamento
  • 9.2. Recursos audiovisuais
  • 9.3. Caracterização dos participantes
  • 9.4. Linguagem
  • 9.5. Estratégias
  • 10. Técnicas de intelecção de textos em inglês
  • 10.1. Pré-leitura
  • 10.2. Adivinhação
  • 10.3. Estabelecimento de ideias principais
  • 10.4. Técnicas básicas de tradução
  • 10.5. Elaboração de glossário técnico
  • 11. Pesquisa
  • 11.1. Definição
  • 11.2. Métodos e técnicas
  • 11.3. Etapas
  • 11.4. Fontes
  • 11.5. Mídia impressa
  • 11.6. Mídia eletrônica
  • 11.7. Identificação das fontes: obras de referência e fontes bibliográficas
  • 11.8. Seleção e delimitação de temas
  • 11.9. Documentação
  • 11.10. Anotações e o uso de fichas
  • 11.11. Resumo e seus tipos
  • 11.12. Indicações bibliográficas
  • 11.13. Análise e seleção dos dados coletados
  • 11.14. Planejamento do trabalho
  • 12. Editor de texto
  • 12.1. Características
  • 12.2. Tratamento de arquivo
  • 12.3. Ações de menu
  • 12.4. Arquivo
  • 12.5. Editar
  • 12.6. Formatar
  • 12.7. Inserir
  • 12.8. Digitação de textos
  • 12.9. Corretor ortográfico
  • 12.10. Impressão
  • 13. Editor de apresentação gráfica
  • 13.1 Características
  • 13.2 Leiaute
  • 13.3 Estrutura
  • 13.4 Digitação de textos
  • 13.5 Inserção de imagens
  • 13.6 Exibição
  • 13.7 Efeitos
  • 13.8 Apresentação eletrônica
  • 13.9 Slides
  • 13.10 Ferramentas de apresentação
  • 13.11 Animações
  • 13.12 Impressão
  • 14. Rede mundial de computadores
  • 14.1. Navegador
  • 14.2. Portais de busca
  • 14.3. Pesquisa avançada
DESENHO TÉCNICO
  • 1. Desenho Técnico
  • 1.1. Definição
  • 1.2. Aplicação
  • 1.3. Materiais
  • 1.4. Formatos de papel
  • 1.5. Instrumentos
  • 1.6. Esquadros
  • 1.7. Compasso
  • 1.8. Régua
  • 2. Figuras geométricas
  • 2.1 Ponto
  • 2.2 Linhas
  • 2.3 Reta
  • 2.4 Semirreta
  • 2.5 Segmento de reta
  • 2.6 Planos
  • 2.7 Ângulos
  • 2.8 Figuras planas
  • 2.9 Sólidos
  • 2.10 Extrusão
  • 2.11 Revolução
  • 3. Desenho geométrico
  • 3.1. Perpendicular
  • 3.2. Paralela
  • 3.3. Bissetriz
  • 3.4. Mediatriz
  • 3.5. Tangentes
  • 3.6. Concordância
  • 4. Sistema de coordenadas
  • 4.1. Perspectiva Isométrica
  • 4.2. Projeção ortogonal
  • 4.3. Frontal
  • 4.4. Superior
  • 4.5. Lateral esquerda
  • 4.6. Linhas de contornos visíveis
  • 4.7. Linhas de contornos não visíveis
  • 4.8. Linhas de centro
  • 4.9. Linhas de simetria
  • 5. Cotagem
  • 5.1. Definição
  • 5.2. Elementos
  • 5.3. Com eixo de simetria
  • 5.4. Detalhes
  • 5.5. Angulares
  • 5.6. Circulares
  • 5.7. Em arcos de círculos
  • 5.8. Inclinados
  • 5.9. Cônicos
  • 5.10. Simbologia
  • 5.11. Diâmetro
  • 5.12. Raio
  • 5.13. Esférico
  • 5.14. Quadrado
  • 5.15. Superfície plana
  • 5.16. Por faces de referência
  • 5.17. Por linhas básicas
  • 5.18. Furos espaçados igualmente
  • 5.19. Espaços reduzidos
  • 5.20. Coordenadas
  • 6. Supressão de vistas
  • 6.1. Semelhantes
  • 6.2. Diferentes
  • 6.3. Por notação
  • 6.4. Por sinais
  • 7. Desenho em corte
  • 7.1. Tipos
  • 7.2. Total
  • 7.3. Meio corte
  • 7.4. Em desvio
  • 7.5. Parcial
  • 7.6. Hachuras
  • 8. Escala
  • 8.1. Definição
  • 8.2. Tipos
  • 8.3. Natural
  • 8.4. Ampliação
  • 8.5. Redução
  • 8.6. Normalização
  • 9. Desenho Assistido por Computador – 2D
  • 9.1. Software de desenho assistido por computador
  • 9.2. Interface do software
  • 9.3. Menus
  • 9.4. Linha de comando
  • 9.5. Barras de status
  • 9.6. Barras de ferramentas
  • 9.7. Área gráfica
  • 9.8. Comandos de arquivos
  • 9.9. Novo
  • 9.10. Abrir
  • 9.11. Salvar
  • 9.12. Importar
  • 9.13. Exportar
  • 9.14. Comandos de desenho
  • 9.15. Line
  • 9.16. Circle
  • 9.17. Arc
  • 9.18. Erase
  • 9.19. Undo
  • 9.20. Redo
  • 9.21. Rectangle
  • 9.22. Offset
  • 9.23. Trim
  • 9.24. Extend
  • 9.25. Comandos de precisão
  • 9.26. Sistemas de coordenadas
  • 9.27. Pontos de precisão (OSNAP)
  • 9.28. Sistema ortogonal (ORTHO)
  • 9.29. Limites
  • 9.30. Unidades
  • 9.31. Comandos de edição
  • 9.32. Move
  • 9.33. Copy
  • 9.34. Rotate
  • 9.35. Mirror
  • 9.36. Array
  • 9.37. Fillet
  • 9.38. Chamfer
  • 9.39. Hatch
  • 9.40. Comandos de visualização
  • 9.41. Zoom
  • 9.42. Pan
  • 9.43. Regen
  • 9.44. Comandos de dimensionamento
  • 9.45. Barra de dimensões
  • 9.46. Alteração de estilos
  • 9.47. Comandos de textos
  • 9.48. Mtext
  • 9.49. Editar textos
  • 9.50. Comandos de propriedades
  • 9.51. Layer
  • 9.52. Color
  • 9.53. Linetype
  • 9.54. Properties
  • 9.55. Utilização de bibliotecas de símbolos
  • 9.56. Block
  • 9.57. Insert
  • 9.58. Explode
  • 9.59. Wblock
  • 10. Desenhos de conjuntos em CAD
  • 10.1. Peças normalizadas
  • 10.2. Parafusos
  • 10.3. Porcas
  • 10.4. Arruelas
  • 10.5. Rebites
  • 10.6. Chavetas
  • 10.7. Omissão de cortes
  • 10.8. Lista de materiais
  • 10.9. Legenda
  • 10.10. Leiaute
  • 10.11. Plotagem de desenhos
CONTROLE DIMENSIONAL E ESTATÍSTICO DO PROCESSO
  • 1. Medidas físicas e unidades
  • 1.1. Notação científica
  • 1.2. Grandeza física
  • 1.3. Definição
  • 1.4. Classificação
  • 1.5. Sistema Internacional de Unidades (SI)
  • 1.6. Sistema de medidas
  • 1.7. Métrico
  • 1.8. Inglês
  • 1.9. Conversões
  • 2. Análise dimensional
  • 2.1. Operações matemáticas
  • 2.2. Fração
  • 2.3. Exponenciação
  • 2.4. Radiciação
  • 2.5. Regra de três
  • 2.6. Razão
  • 2.7. Proporção
  • 2.8. Relação direta e inversa
  • 2.9. Porcentagem
  • 3. Erros de medição
  • 3.1. Características
  • 3.2. Tipos
  • 3.3. Fontes
  • 3.4. Variação de temperatura
  • 3.5. Paralaxe
  • 3.6. Força de medição
  • 3.7. Complexidade da peça
  • 3.8. Contato do instrumento
  • 3.9. Condição do instrumento
  • 3.10. Gráficos de erros
  • 3.11. Processo de correção
  • 4. Instrumentos
  • 4.1. Tipos
  • 4.2. Paquímetros
  • 4.3. Micrômetros
  • 4.4. Blocos padrão
  • 4.5. Calibradores
  • 4.6. Balanças
  • 4.7. Escala graduada
  • 4.8. Projetor de perfil
  • 4.9. Relógio comparador
  • 4.10. Termômetros
  • 4.11. Termopares
  • 4.12. Aplicações
  • 4.13. Conservação
  • 5. Normalização
  • 5.1. Tipos de normas
  • 5.2. Aplicações
  • 6. Estatística aplicada
  • 6.1. Organização de dados numéricos
  • 6.2. Ordenação
  • 6.3. Agrupamento
  • 6.4. Intervalos
  • 6.5. Classificação
  • 6.6. Média
  • 6.7. Definição
  • 6.8. Aplicação
  • 6.9.
  • 6.10. Amplitude
  • 6.11. Definição
  • 6.12. Aplicação
  • 6.13. Desvio padrão
  • 6.14. Definição
  • 6.15. Aplicação
  • 6.16. Construção de:
  • 6.17. Tabelas
  • 6.18. Gráficos
  • 6.19. Curvas
  • 7. Planilha eletrônica
  • 7.1. Características
  • 7.2. Criação de planilhas
  • 7.3. Formatação de células
  • 7.4. Entrada de dados
  • 7.5. Números
  • 7.6. Textos
  • 7.7. Fórmulas
  • 7.8. Funções matemáticas
  • 7.9. Criação de gráficos na planilha
  • 7.10. Impressão
MECÂNICA E AUTOMAÇÃO APLICADA
  • 1. Mecânica
  • 1.1. Definição
  • 1.2. Elementos de máquinas
  • 1.3. Elementos de transmissão
  • 2. Pneumática
  • 2.1. Definição
  • 2.2. Sistemas de preparação e distribuição de ar comprimido
  • 2.3. Componentes de controle e comando
  • 2.4. Atuadores
  • 2.5. Circuitos pneumáticos
  • 2.6. Eletropneumática
  • 3. Hidráulica
  • 3.1. Definição
  • 3.2. Unidades hidráulicas
  • 3.3. Componentes de controle e comando
  • 3.4. Atuadores
  • 3.5. Circuitos hidráulicos
  • 3.6. Eletrohidráulica
CIÊNCIA E COMPORTAMENTO DOS MATERIAIS PLÁSTICOS
  • 1. Materiais plásticos
  • 1.1 Definição
  • 1.2 Histórico e evolução
  • 1.3 Fontes de matéria-prima
  • 1.4 Aplicação
  • 2. Química
  • 2.1 Átomo
  • 2.2 Definição
  • 2.3 Modelo atômico
  • 2.4 Classificação
  • 2.5 Ligações químicas
  • 2.6 Definição
  • 2.7 Intramoleculares
  • 2.8 Intermoleculares
  • 3. Química orgânica
  • 3.1 Átomo de carbono
  • 3.2 Postulados de Kekulé
  • 3.3 Classificação do carbono
  • 3.4 Classificação de cadeias carbônicas
  • 3.5 Funções orgânicas
  • 3.6 Hidrocarbonetos
  • 3.7 Aminas e amidas
  • 3.8 Ácidos carboxílicos e ésteres
  • 3.9 Aldeídos e cetonas
  • 3.10 Álcoois
  • 3.11 Nomenclatura
  • 3.12 International Union for Pure Applied Chemistry (IUPAC)
  • 4. Polimerização
  • 4.1 Definição
  • 4.2 Tipos
  • 4.3 Poliadição
  • 4.4 Policondensação
  • 4.5 Técnicas
  • 4.6 Massa
  • 4.7 Solução
  • 4.8 Suspensão
  • 4.9 Emulsão
  • 5. Massa molecular
  • 5.1 Definição
  • 5.2 Grau de polimerização
  • 5.3 Distribuição de massa molecular
  • 5.4 Oligômero
  • 6. Tipos de cadeia de polímeros
  • 6.1 Linear
  • 6.2 Ramificada
  • 6.3 Reticulada
  • 7. Classificação dos polímeros
  • 7.1 Origem
  • 7.2 Natural
  • 7.3 Sintético
  • 7.4 Configuração:
  • 7.5 Encadeamento
  • 7.6 Isomeria
  • 7.7 Taticidade
  • 7.8 Conformação
  • 7.9 Enrodilhada
  • 7.10 Zigue-zague planar
  • 7.11 Helicoidal
  • 7.12 Termoplástico
  • 7.13 Termofixo
  • 7.14 Homopolímetro
  • 7.15 Copolímeros
  • 7.16 Comportamento mecânico
  • 7.17 Plástico
  • 7.18 Elastômero
  • 7.19 Fibras
  • 7.20 Comportamento reológico
  • 8. Estrutura molecular dos polímeros sólidos
  • 8.1 Definição
  • 8.2 Tipo
  • 8.3 Amorfa
  • 8.4 Cristalina
  • 8.5 Comportamento térmico
  • 8.6 Temperatura de transição vítrea (Tg)
  • 8.7 Temperatura de fusão cristalina (Tm)
  • 8.8 Temperatura de cristalização (Tc)
  • 8.9 Temperatura de degradação
CIÊNCIA E CARACTERIZAÇÃO DOS MATERIAIS PLÁSTICOS
  • 1. Polietileno – PE
  • 1.1 Processos de polimerização
  • 1.2 Alta pressão
  • 1.3 Phillips
  • 1.4 Ziegler
  • 1.5 Standard Oil
  • 1.6 Metalocênicos
  • 1.7 Tipos
  • 1.8 Linear
  • 1.9 Ramificado
  • 1.10 Reticulado
  • 1.11 Clorado
  • 1.12 Ultra-alto peso molecular (UHMWPE)
  • 1.13 Propriedades
  • 1.14 Processamento
  • 1.15 Aplicações
  • 2. Polipropileno – PP
  • 2.1 Processos de polimerização
  • 2.2 Ziegler – Nafta
  • 2.3 Metalocênicos
  • 2.4 Tipos
  • 2.5 Isotático
  • 2.6 Sindiotático
  • 2.7 Atático
  • 2.8 Copolímero
  • 2.9 Heterofásico
  • 2.10 Aleatório
  • 2.11 Propriedades
  • 3. Poliestireno – PS
  • 3.1 Processo de polimerização
  • 3.2 Tipos
  • 3.3 Cristal
  • 3.4 Alto impacto
  • 3.5 Expandido
  • 3.6 Propriedades
  • 3.7 Processamento
  • 3.8 Aplicações
  • 4. Poli(cloreto de vinila) – PVC
  • 4.1 Processo de polimerização
  • 4.2 Técnicas de polimerização
  • 4.3 Massa
  • 4.4 Solução
  • 4.5 Suspensão
  • 4.6 Emulsão
  • 4.7 Valor K
  • 4.8 Relação entre valor K e propriedades
  • 4.9 Relação entre valor K e processamento
  • 4.10 Aditivos
  • 4.11 Plastificante
  • 4.12 Lubrificantes
  • 4.13 Estabilizantes
  • 4.14 Cargas
  • 4.15 Tipos
  • 4.16 Rígido
  • 4.17 Flexível
  • 4.18 Formulação
  • 4.19 Mistura seca (dryblend)
  • 4.20 Plastissol
  • 4.21 Propriedades
  • 4.22 Processamento
  • 4.23 Calandragem
  • 4.24 Espalmagem
  • 4.25 Rotomoldagem
  • 4.26 Imersão
  • 4.27 Slushmolding
  • 4.28 Aplicações
  • 5. Politetrafluoretileno – PTFE
  • 5.1 Processo de polimerização
  • 5.2 Propriedades
  • 5.3 Processamento
  • 5.4 Aplicações
  • 6. Poli (metacrilato de metila) – PMMA
  • 6.1 Processo de polimerização
  • 6.2 Propriedades
  • 6.3 Processamento
  • 6.4 Aplicações
  • 7. Acrilonitrila-Butadieno-Estireno – ABS
  • 7.1 Produção por:
  • 7.2 Polimerização
  • 7.3 Mistura mecânica
  • 7.4 Propriedades
  • 7.5 Processamento
  • 7.6 Aplicações
  • 8. Estireno-Acrilonitrila – SAN
  • 8.1 Processamento
  • 8.2 Aplicações
  • 9. Poliésteres saturados
  • 9.1 Poli (tereftalato de etileno) – PET
  • 9.2 Processo de polimerização
  • 9.3 Propriedades
  • 9.4 Processamento
  • 9.5 Aplicações
  • 9.6 Poli (tereftalato de butileno) – PBT
  • 9.7 Processo de polimerização
  • 9.8 Propriedades
  • 9.9 Processamento
  • 9.10 Aplicações
  • 10. Policarbonato – PC
  • 10.1 Processo de polimerização
  • 10.2 Propriedades
  • 10.3 Processamento
  • 10.4 Aplicações
  • 11. Poliamida – PA
  • 11.1 Processo de polimerização
  • 11.2 Policondensação
  • 11.3 Abertura de anel
  • 11.4 Tipos
  • 11.5 PA 6,6
  • 11.6 PA 6
  • 11.7 PA 6,10
  • 11.8 PA 7
  • 11.9 PA 11
  • 11.10 PA 12
  • 11.11 Propriedades
  • 11.12 Processamento
  • 11.13 Aplicações
  • 12. Polioximetileno – POM
  • 12.1 Processo de polimerização
  • 12.2 Tipos
  • 12.3 Homopolímero
  • 12.4 Copolímero
  • 12.5 Propriedades
  • 12.6 Processamento
  • 12.7 Aplicações
  • 13. Polioxifenileno – PPO
  • 13.1 Processo de polimerização
  • 13.2 Blendas
  • 13.3 Propriedades
  • 13.4 Processamento
  • 13.5 Aplicações
  • 14. Poliuretanos – PU
  • 14.1 Processo de polimerização
  • 14.2 Tipos
  • 14.3 Termoplástico
  • 14.4 Termofixo
  • 14.5 Elastoméricos
  • 14.6 Propriedades
  • 14.7 Processamento
  • 14.8 Aplicações
  • 15. Polisulfeto de fenileno – PPS
  • 15.1 Propriedades
  • 15.2 Processamento
  • 15.3 Aplicações
  • 16. Polímeros especiais
  • 16.1 Tipos
  • 16.2 Cristal líquido polimérico – LCP
  • 16.3 Poliaramida
  • 16.4 Poliimida
  • 16.5 Polisulfonas
  • 16.6 Policetonas
  • 16.7 Silicone
  • 16.8 Biodegradáveis
  • 16.9 Estrutura
  • 16.10 Aplicações
  • 17. Blendas poliméricas
  • 17.1 Definição
  • 17.2 Miscibilidade
  • 17.3 Compatibilização
  • 17.4 Processamento
  • 17.5 Técnicas de caracterização
  • 17.6 Tipos comerciais
  • 17.7 Propriedades
  • 17.8 Aplicações
  • 18. Polímeros termofixos
  • 18.1 Melamínicos
  • 18.2 Poliésteres insaturados
  • 18.3 Fenólicos
ENSAIOS DE CARACTERIZAÇÃO DOS MATERIAIS PLÁSTICOS
  • 1. Ensaios
  • 1.1 Definição
  • 1.2 Classificação
  • 1.3 Seleção em relação:
  • 1.4 À aplicação do produto
  • 1.5 À caracterização
  • 1.6 Ao controle da produção de produtos plásticos
  • 1.7 Tipos
  • 1.8 Resistência à tração
  • 1.9 Resistência à flexão
  • 1.10 Resistência à compressão em plásticos rígidos
  • 1.11 Dureza
  • 1.12 Resistência ao impacto
  • 1.13 Coeficiente de fricção
  • 1.14 Coeficiente linear de expansão térmica
  • 1.15 Temperatura de distorção ao calor sob carga (HDT)
  • 1.16 Temperatura de amolecimento Vicat
  • 1.17 Calcinação
  • 1.18 Taxa de fluxo
  • 1.19 Calorimetria exploratória diferencial (DSC)
  • 1.20 Análise termogravimétrica (TGA)
  • 1.21 Espectroscopia vibracional de absorção no infravermelho (IR)
  • 1.22 Flamabilidade
  • 1.23 Umidade relativa
  • 1.24 Permeabilidade aos gases e vapores
  • 1.25 Solubilidade em materiais plásticos
  • 1.26 Densidade
  • 2. Amostra
  • 2.1 Coleta
  • 2.2 Frequência
  • 2.3 Método
  • 2.4 Acondicionamento
  • 2.5 Identificação
  • 3. Corpo de prova
  • 3.1 Tipos
  • 3.2 Preparação
  • 3.3 Métodos
  • 3.4 Influência nos resultados
  • 4. Condicionamento
  • 4.1 Temperatura
  • 4.2 Umidade
  • 4.3 Tempo
  • 5. Descarte de resíduos de ensaios
  • 5.1 Classificação
  • 5.2 Métodos
  • 6. Equipamentos laboratoriais
  • 6.1 Tipos
  • 6.2 Aplicação
  • 6.3 Condições de uso
  • 6.4 Aferição
  • 6.5 Calibração
  • 6.6 Manutenção
  • 6.7 Normalização
  • 6.8 Procedimento operacional
  • 6.9 Procedimento de cálculo
  • 6.10 Análise de resultados
  • 6.11 Relação entre estrutura, processamento e propriedade
  • 6.12 Elaboração de relatório técnico
ADITIVOS PARA MATERIAIS PLÁSTICOS
  • 1. Plastificantes
  • 1.1 Definição
  • 1.2 Mecanismos de plastificação
  • 1.3 Lubrificação
  • 1.4 Gelificação
  • 1.5 Requisitos de seleção
  • 1.6 Tipos
  • 2. Lubrificantes
  • 2.1 Mecanismos de lubrificação
  • 2.2 Tipos
  • 2.3 Interno
  • 2.4 Externo
  • 2.5 Antibloqueio
  • 2.6 Deslizante
  • 2.7 Antideslizante
  • 3. Estabilizantes
  • 3.1 Definição
  • 3.2 Mecanismos de estabilização
  • 3.3 Agentes degradativos
  • 3.4 Fotoestabilizantes
  • 3.5 Bloqueador de raios ultravioleta
  • 3.6 Absorvedor de raios ultravioleta
  • 3.7 Desativador de estado excitado
  • 3.8 Antioxidante primário e secundário
  • 3.9 Desativador de metais
  • 3.10 Térmicos
  • 3.11 Antioxidante primário e secundário
  • 3.12 Desativador de metais
  • 3.13 Para PVC
  • 3.14 Avaliação do efeito dos estabilizantes
  • 4. Retardantes de chama
  • 4.1 Definição
  • 4.2 Processo de combustão de polímeros
  • 4.3 Mecanismos de atuação
  • 4.4 Tipos
  • 4.5 Inorgânicos
  • 4.6 Orgânicos não reativos e reativos
  • 4.7 Métodos de avaliação do efeito antichama
  • 4.8 Supressores de fumaça
  • 5. Cargas e reforços
  • 5.1 Definições
  • 5.2 Mecanismos de atuação
  • 5.3 Tipos
  • 5.4 Orgânicos
  • 5.5 Inorgânicos
  • 5.6 Aplicações
  • 6. Pigmentos e corantes
  • 6.1 Definições
  • 6.2 Tipos
  • 6.3 Orgânicos
  • 6.4 Inorgânicos
  • 6.5 Dispersão
  • 6.6 Pigmentos especiais
  • 6.7 Concentrados de cor
  • 6.8 Definição
  • 6.9 Tipos
  • 6.10 Granulados
  • 6.11 Dryblend
  • 6.12 Universal
  • 6.13 Líquido
  • 6.14 Processos de fabricação
  • 6.15 Propriedades
  • 6.16 Aplicação
  • 7. Modificadores de impacto
  • 7.1 Definição
  • 7.2 Mecanismos de tenacificação
  • 7.3 Microfibrilamento sob tensão
  • 7.4 Cisalhamento sob escoamento
  • 7.5 Propriedades de polímeros tenacificados
  • 8. Agentes de expansão
  • 8.1 Definição
  • 8.2 Tipos
  • 8.3 Físicos
  • 8.4 Químicos
  • 8.5 Processos de obtenção de espumas celulares
  • 8.6 Expansão in situ
  • 8.7 Extrusão
  • 8.8 Injeção
  • 8.9 Aplicações
  • 9. Agentes de reticulação
  • 9.1 Definição
  • 9.2 Tipos
  • 10. Agentes antiestéticos
  • 10.1 Definição
  • 10.2 Mecanismos de atuação
  • 10.3 Tipos
  • 10.4 Aplicação
MOLDES E MATRIZES
  • 1. Moldes de injeção
  • 1.1 Definição
  • 1.2 Características
  • 1.3 Tipos
  • 1.4 Duas placas
  • 1.5 Três placas
  • 1.6 Câmara quente
  • 1.7 Com gaveta
  • 1.8 Stack molds
  • 1.9 Com núcleo rotativo
  • 1.10 Multicomponentes
  • 1.11 Materiais utilizados na construção
  • 1.12 Sistemas
  • 1.13 Alimentação
  • 1.14 Refrigeração
  • 1.15 Extração
  • 2. Moldes de sopro
  • 2.1 Definição
  • 2.2 Características
  • 2.3 Tipos
  • 2.4 Extração de rebarbas
  • 2.5 Com machos
  • 2.6 Multicavidades
  • 2.7 Para tridimensional
  • 2.8 Com agulha acoplada
  • 2.9 Materiais utilizados na construção
  • 2.10 Sistemas de Refrigeração
  • 2.11 Sistemas de Extração
  • 2.12 Características
  • 2.13 Tipos quanto à aplicação
  • 2.14 Chapas e filmes planos
  • 2.15 Tubos
  • 2.16 Filmes tubulares
  • 2.17 Monofilamentos
  • 2.18 Recobrimento
  • 2.19 Perfis em geral
  • 2.20 Granulação vias úmida e seca
  • 2.21 Materiais utilizados na construção
  • 2.22 Sistemas de refrigeração
  • 2.23
  • 3. Cabeçotes de coextrusão
  • 3.1 Definição
  • 3.2 Características
  • 3.3 Tipos quanto à aplicação
  • 3.4 Chapas e filmes planos
  • 3.5 Tubos
  • 3.6 Filmes tubulares
  • 3.7 Recobrimento
  • 3.8 Perfis em geral
PROCESSAMENTO DE MATERIAIS PLÁSTICOS
  • 1. Indústria do Plástico
  • 1.1 Histórico e evolução
  • 1.2 Cadeia produtiva
  • 1.3 Petroquímicas
  • 1.4 Compostagem
  • 1.5 Transformação
  • 1.6 Reciclagem
  • 1.7 Principais processos de transformação
  • 1.8 Definição
  • 1.9 Tipos
  • 1.10 Características
  • 1.11 Aplicação
  • 2. Convenção Coletiva
  • 2.1 Terminologia
  • 2.2 Direitos e obrigações
  • 2.3 Operador
  • 2.4 Empresário
  • 2.5 Norma Regulamentadora NR 12: segurança no trabalho em máquinas e equipamentos
  • 3. Processos de Transformação por Extrusão
  • 3.1 Definição
  • 3.2 Aplicação
  • 3.3 Parâmetros do processo
  • 3.4 Pressões
  • 3.5 Velocidades
  • 3.6 Cursos
  • 3.7 Temperaturas
  • 3.8 Alimentação
  • 3.9 Plastificação
  • 3.10 Homogeneização
  • 3.11 Formação
  • 3.12 Calibração
  • 3.13 Resfriamento
  • 3.14 Corte
  • 3.15 Acabamento
  • 4. Máquinas extrusoras
  • 4.1 Tipos
  • 4.2 Características
  • 4.3 Taxa de compressão
  • 4.4 Relação entre comprimento e diâmetro do cilindro – L/D,
  • 4.5 Vazão
  • 4.6 Componentes
  • 4.7 Conjunto eletromotriz
  • 4.8 Funil alimentador
  • 4.9 Cilindro de plastificação
  • 4.10 Rosca
  • 4.11 Controladores de temperatura
  • 4.12 Placa quebra-fluxo
  • 5. Cabeçote
  • 4.13 Filme
  • 4.14 Definição
  • 4.15 Características
  • 4.16 Aplicação
  • 4.17 Componentes de máquina
  • 4.18 Cabeçotes
  • 4.19 Sistema de arraste (puxadores)
  • 5. Sistemas de resfriamento
  • 5.1 Torre
  • 6. Unidade de calibração
  • 6.1 Conjunto bobinador
  • 6.2 Unidade hidráulica
  • 6.3 Unidade pneumática
  • 6.4 Painel elétrico
  • 6.5 Dispositivos de segurança
  • 7. Periféricos
  • 7.1 Alinhadores
  • 7.2 Controladores de tensão
  • 7.3 Controladores gravimétricos
  • 7.4 Controladores de espessuras
  • 8. Controladores de gramatura
  • 8.1 Tipos
  • 8.2 Plano
  • 8.3 Tubular
  • 8.4 Biorientado
  • 8.5 Descendente
  • 9. Coextrusão
  • 9.1 Perfil
  • 9.2 Definição
  • 9.3 Características
  • 9.4 Aplicação
  • 9.5 Cabeçotes
  • 9.6 Periféricos
  • 9.7 Calibrador
  • 9.8 Puxadores
  • 10. Sistema de corte
  • 10.1 Calha basculante
  • 10.2 Unidade pneumática
  • 10.3 Acabamento
  • 10.4 Dispositivos de segurança
  • 10.5 Tipos
  • 11. Granulação
  • 11.1 Definição
  • 11.2 Características
  • 11.3 Aplicação
  • 11.4 Cabeçotes
  • 11.5 Periféricos
  • 11.6 Puxadores
  • 11.7 Sistema de corte
  • 11.8 Sistema de resfriamento
  • 11.9 Sistema de transporte
  • 11.10 Sistema de separação
  • 11.11 Sistema de armazenamento
  • 11.12 Dispositivos de segurança
  • 12. Seleção da máquina extrusora
  • 12.1 Seleção do cabeçote
  • 12.2 Substituição do cabeçote
  • 12.3 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 12.4 Ajustes de equipamentos auxiliares tendo em vista o produto
  • 12.5 Preparação de matéria-prima
  • 12.6 Transporte de ferramental
  • 12.7 Destinação dos resíduos
  • 12.8 Organização do ambiente de trabalho
  • 12.9 Acondicionamento do produto
  • 12.10 Seleção das utilidades
  • 12.11 Seleção da documentação técnica do produto
  • 12.12 Qualidade do produto
  • 12.13 Otimização de processo
  • 12.14 Ajustes de:
  • 12.15 Parâmetros
  • 13. Processos de Transformação por Injeção
  • 13.1 Definição
  • 13.2 Aplicação
  • 13.3 Parâmetros do processo
  • 13.4 Pressões
  • 13.5 Velocidades
  • 13.6 Tempos
  • 13.7 Cursos
  • 13.8 Temperaturas
  • 13.9 Ciclo de injeção
  • 13.10 Definição
  • 13.11 Características
  • 13.12 Etapas
  • 13.13 Fechamento de molde
  • 13.14 Avanço da unidade de injeção
  • 13.15 Injeção
  • 13.16 Recalque
  • 13.17 Resfriamento
  • 13.18 Dosagem
  • 13.19 Descompressão
  • 13.20 Recuo da unidade de injeção
  • 13.21 Abertura de molde
  • 13.22 Avanço do extrator
  • 13.23 Recuo do extrator
  • 14. Máquinas injetoras
  • 14.1 Tipos
  • 14.2 Hidráulicas
  • 14.3 Híbridas
  • 14.4 Elétricas
  • 14.5 Unidade de injeção
  • 14.6 Funil alimentador
  • 14.7 Cilindro de plastificação
  • 14.8 Rosca
  • 14.9 Controladores de temperatura
  • 14.10 Unidade de fechamento
  • 14.11 Hidráulico-mecânico
  • 14.12 Hidráulico
  • 14.13 Eletromecânico
  • 14.14 Placa fixa
  • 14.15 Placa móvel
  • 14.16 Placa de ancoragem
  • 14.17 Colunas, tirantes e pista
  • 14.18 Unidade hidráulica
  • 14.19 Válvulas
  • 14.20 Atuadores
  • 14.21 Bomba
  • 14.22 Reservatório
  • 14.23 Trocador de calor
  • 14.24 Filtros
  • 14.25 Painel elétrico
  • 14.26 Setup
  • 14.27 Operações
  • 15. Seleção da máquina injetora
  • 15.1 Substituição do molde
  • 15.2 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 15.3 Preparação de matéria-prima
  • 15.4 Transporte de ferramental
  • 15.5 Destinação dos resíduos
  • 15.6 Organização do ambiente de trabalho
  • 15.7 Seleção da documentação técnica do produto
  • 16. Processos especiais de injeção
  • 16.1 Assistida a água
  • 16.2 Assistida a gás
  • 16.3 Com injeção
  • 16.4 Qualidade do produto
  • 16.5 Otimização de processo
  • 16.6 Ajustes de:
  • 16.7 Parâmetros
  • 16.8 Utilidades
  • 17. Processos de Transformação por Sopro
  • 17.1 Via extrusão (Extrusion Blow Molding – EBM):
  • 17.2 Definição
  • 17.3 Características
  • 17.4 Tipos
  • 17.5 Contínuo
  • 17.6 Por acumulação
  • 17.7 Tridimensional
  • 17.8 Biorientado
  • 17.9 Coextrusão
  • 17.10 Por vácuo
  • 17.11 Carrossel
  • 17.12 Aplicação
  • 17.13 Ciclo
  • 17.14 Avanço do carro
  • 17.15 Fechamento do molde
  • 17.16 Corte do parison
  • 17.17 Avanço do mandril (pino ou agulha)
  • 17.18 Sopro
  • 17.19 Parada (alívio da pressão de sopro)
  • 17.20 Abertura do molde
  • 17.21 Extração
  • 17.22 Componentes de máquina
  • 17.23 Unidade de fechamento
  • 17.24 Unidade de calibração
  • 17.25 Programador de Parison
  • 17.26 Unidade hidráulica
  • 17.27 Unidade pneumática
  • 17.28 Unidade elétrica
  • 17.29 Dispositivos de segurança
  • 17.30 Periféricos
  • 17.31 Sistemas de alimentação
  • 17.32 Testes de estanqueidade
  • 17.33 Esteiras transportadoras
  • 17.34 Dispositivos de rebarbação
  • 17.35 Moinhos
  • 17.36 Manipuladores
  • 17.37 Sistema de rotulagem
  • 18. Sistema de envase
  • 18.1 Via injeção (Injection Blow Molding – IBM)
  • 18.2 Definição
  • 18.3 Características
  • 18.4 Com um estágio
  • 18.5 Com dois estágios
  • 18.6 Aplicação
  • 18.7 Ciclo
  • 18.8 Preparação do ambiente de trabalho
  • 18.9 Cristalização da matéria-prima
  • 18.10 Secagem da matéria-prima
  • 18.11 Injeção da pré-forma
  • 18.12 Aquecimento
  • 18.13 Estiramento e/ou sopro
  • 18.14 Extração
  • 18.15 Resfriamento do pino
  • 18.16 Componentes de máquina
  • 18.17 Unidade de injeção
  • 18.18 Unidade de fechamento
  • 18.19 Sistema hidráulico
  • 18.20 Sistema pneumático
  • 18.21 Sistema elétrico
  • 18.22 Dispositivos de segurança
  • 18.23 Periféricos
  • 18.24 Sistemas de alimentação
  • 18.25 Sistemas de extração
  • 18.26 Esteiras transportadoras
  • 18.27 Moinhos
  • 18.28 Sistema de rotulagem
  • 18.29 Sistema de envase
  • 18.30 Setup
  • 18.31 Operações
  • 19. Seleção da máquina sopradora
  • 19.1 Substituição do molde
  • 19.2 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 19.3 Preparação de matéria-prima
  • 19.4 Transporte de ferramental
  • 19.5 Destinação dos resíduos
  • 19.6 Organização do ambiente de trabalho
  • 19.7 Seleção das utilidades
  • 19.8 Seleção da documentação técnica do produto
  • 19.9 Parâmetros do processo
  • 19.10 Pressões
  • 19.11 Velocidades
  • 19.12 Tempos
  • 19.13 Cursos
  • 19.14 Temperaturas
  • 19.15 Qualidade do produto
  • 19.16 Otimização de processo
  • 19.17 Ajustes de:
  • 19.18 Parâmetros
  • 19.19 Utilidades
  • 20. Processos Especiais
  • 20.1 Termoformagem
  • 20.2 Definição
  • 20.3 Tipos
  • 20.4 A vácuo
  • 20.5 Por pressão positiva
  • 20.6 Por compressão
  • 20.7 Por compressão em chapas de grandes espessuras (macho-matriz)
  • 20.8 Por transformação de chapas
  • 20.9 Características
  • 20.10 Matérias-primas
  • 20.11 Aplicações
  • 20.12 Equipamentos
  • 20.13 Setup – operações
  • 20.14 termoformadora
  • 20.15 Substituição do molde
  • 20.16 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 20.17 Ajustes de equipamentos auxiliares tendo em vista o produto
  • 20.18 Preparação de matéria-prima
  • 20.19 Transporte de ferramental
  • 20.20 Destinação dos resíduos
  • 20.21 Organização do ambiente de trabalho
  • 20.22 Acondicionamento do produto
  • 20.23 Seleção das utilidades
  • 20.24 Documentação técnica
  • 20.25 Parâmetros do processo
  • 20.26 Pressões
  • 20.27 Velocidades
  • 20.28 Cursos
  • 20.29 Temperaturas
  • 20.30 Qualidade do produto
  • 20.31 Otimização de processo
  • 20.32 Ajustes de parâmetro e de utilidades
  • 21. Rotomoldagem
  • 21.1 Definição
  • 21.2 Características
  • 21.3 Matérias-primas
  • 21.4 Aplicações
  • 21.5 Equipamentos
  • 21.6 Moldagem de resinas termofixas
  • 21.7 Definição
  • 21.8 Características
  • 21.9 Matérias-primas
  • 21.10 Aplicações
  • 21.11 Equipamentos
  • 21.12 Moldagem em acrílico
  • 21.13 Definição
  • 21.14 Características
  • 21.15 Matérias-primas
  • 21.16 Aplicações
  • 21.17 Equipamentos
  • 22. Processos de Acabamento
  • 22.1 Serigrafia
  • 22.2 Definição
  • 22.3 Características
  • 22.4 Matérias-primas
  • 22.5 Aplicação
  • 22.6 Equipamentos
  • 22.7 Setup – Operações
  • 22.8 Seleção de equipamentos
  • 22.9 Substituição da matriz
  • 22.10 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 22.11 Preparação da peça semiacabada
  • 22.12 Preparação dos insumos
  • 22.13 Transporte de ferramental
  • 22.14 Destinação dos resíduos
  • 22.15 Organização do ambiente de trabalho
  • 22.16 Acondicionamento do produto
  • 22.17 Seleção das utilidades
  • 22.18 Seleção da documentação técnica do produto
  • 22.19 Parâmetros do processo
  • 22.20 Pressões
  • 22.21 Velocidades
  • 22.22 Cursos
  • 22.23 Qualidade do produto
  • 22.24 Otimização de processo
  • 22.25 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 23. Hot-stamping
  • 23.1 Definição
  • 23.2 Características
  • 23.3 Matérias-primas
  • 23.4 Aplicação
  • 23.5 Equipamentos
  • 23.6 Setup – operações
  • 23.7 Seleção de equipamentos
  • 23.8 Substituição do clichê e da fita
  • 23.9 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 23.10 Preparação da peça semiacabada
  • 23.11 Preparação dos insumos
  • 23.12 Transporte de ferramental
  • 23.13 Destinação dos resíduos
  • 23.14 Organização do ambiente de trabalho
  • 23.15 Acondicionamento do produto
  • 23.16 Seleção das utilidades
  • 23.17 Seleção da documentação técnica do produto
  • 23.18 Parâmetros do processo
  • 23.19 Pressões
  • 23.20 Velocidades
  • 23.21 Cursos
  • 23.22 Qualidade do produto
  • 23.23 Otimização de processo
  • 23.24 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 24. Tampografia
  • 24.1 Definição
  • 24.2 Características
  • 24.3 Matérias-primas
  • 24.4 Aplicação
  • 24.5 Equipamentos
  • 24.6 Setup – Operações
  • 24.7 Seleção de equipamentos
  • 24.8 Substituição do clichê, tampão, tinteiro e conjunto raspador
  • 24.9 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 24.10 Preparação da peça semiacabada
  • 24.11 Preparação dos insumos
  • 24.12 Transporte de ferramental
  • 24.13 Destinação dos resíduos
  • 24.14 Organização do ambiente de trabalho
  • 24.15 Acondicionamento do produto
  • 24.16 Seleção das utilidades
  • 24.17 Seleção da documentação técnica do produto
  • 24.18 Parâmetros do processo
  • 24.19 Pressões
  • 24.20 Cursos
  • 24.21 Qualidade do produto
  • 24.22 Otimização de processo
  • 24.23 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 25. Rotogravura
  • 25.1 Definição
  • 25.2 Características
  • 25.3 Matérias-primas
  • 25.4 Aplicação
  • 25.5 Equipamentos
  • 25.6 Flexografia
  • 25.7 Definição
  • 25.8 Características
  • 25.9 Matérias-primas
  • 25.10 Aplicação
  • 25.11 Equipamentos
  • 25.12 Metalização a vácuo
  • 25.13 Definição
  • 25.14 Características
  • 25.15 Matérias-primas
  • 25.16 Aplicação
  • 25.17 Equipamentos
  • 26. Galvanoplastia
  • 26.1 Definição
  • 26.2 Características
  • 26.3 Matérias-primas
  • 26.4 Aplicação
  • 26.5 Equipamentos
  • 26.6 Corte e solda
  • 26.7 Definição
  • 26.8 Características
  • 26.9 Matérias-primas
  • 26.10 Aplicação
  • 26.11 Equipamentos
  • 26.12 Operações
  • 26.13 Seleção de equipamentos
  • 26.14 Substituição da bobina
  • 26.15 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 26.16 Preparação da peça semiacabada
  • 26.17 Transporte de ferramental
  • 26.18 Destinação dos resíduos
  • 26.19 Organização do ambiente de trabalho
  • 26.20 Acondicionamento do produto
  • 26.21 Seleção das utilidades
  • 26.22 Seleção da documentação técnica do produto
  • 26.23 Parâmetros do processo
  • 26.24 Pressões
  • 26.25 Temperaturas
  • 26.26 Tempos
  • 26.27 Velocidades
  • 26.28 Cursos
  • 26.29 Qualidade do produto
  • 26.30 Otimização de processo
  • 26.31 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 27. Soldagem por ultrassom
  • 27.1 Definição
  • 27.2 Características
  • 27.3 Matérias-primas
  • 27.4 Aplicação
  • 27.5 Equipamentos
  • 27.6 Operações
  • 27.7 Seleção de equipamentos
  • 27.8 Substituição do conjunto e berço
  • 27.9 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 27.10 Preparação da peça semiacabada
  • 27.11 Transporte de ferramental
  • 27.12 Destinação dos resíduos
  • 27.13 Organização do ambiente de trabalho
  • 27.14 Acondicionamento do produto
  • 27.15 Seleção das utilidades
  • 27.16 Seleção da documentação técnica do produto
  • 27.17 Parâmetros do processo
  • 27.18 Pressões
  • 27.19 Tempos
  • 27.20 Sintonia de frequência
  • 27.21 Velocidades
  • 27.22 Cursos
  • 27.23 Qualidade do produto
  • 27.24 Otimização de processo
  • 27.25 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 28. Soldagem por alta frequência
  • 28.1 Definição
  • 28.2 Características
  • 28.3 Matérias-primas
  • 28.4 Aplicação
  • 28.5 Equipamentos
  • 28.6 Setup – operações
  • 28.7 Substituição do ferramental
  • 28.8 Instalação de equipamentos auxiliares (periféricos)
  • 28.9 Preparação da peça semiacabada
  • 28.10 Preparação dos insumos
  • 28.11 Transporte de ferramental
  • 28.12 Destinação dos resíduos
  • 28.13 Organização do ambiente de trabalho
  • 28.14 Acondicionamento do produto
  • 28.15 Seleção das utilidades
  • 28.16 Seleção da documentação técnica do produto
  • 28.17 Parâmetros do processo
  • 28.18 Pressões
  • 28.19 Potência elétrica
  • 28.20 Tempos
  • 28.21 Velocidades
  • 28.22 Cursos
  • 28.23 Qualidade do produto
  • 28.24 Otimização de processo
  • 28.25 Ajustes de parâmetros e utilidades
  • 29. Etiquetagem na moldagem (In mold labelling)
  • 29.1 Definição
  • 29.2 Características
  • 29.3 Matérias-primas
  • 29.4 Aplicação
  • 29.5 Equipamentos
  • 29.6 Transferência de imagem a quente
  • 30. (Therimage)
  • 30.1 Definição
  • 30.2 Características
  • 30.3 Matérias-primas
  • 30.4 Aplicação
  • 30.5 Equipamentos
  • 30.6 Sleeve
  • 30.7 Definição
  • 30.8 Características
  • 30.9 Matérias-primas
  • 30.10 Aplicação
  • 30.11 Equipamentos
  • 31. Boas Práticas de Fabricação
  • 31.1 Definição
  • 31.2 Histórico
  • 31.3 Áreas de aplicação
  • 31.4 Manuseio
  • 32. Reciclagem
  • 32.1 Definição
  • 32.2 Identificação dos materiais plásticos
  • 32.3 Contaminações
  • 32.4 Mecânica
  • 32.5 Química
  • 32.6 Energética
  • 32.7 Mecânica
  • 32.8 Etapas
  • 32.9 Separação
  • 32.10 Moagem
  • 32.11 Lavagem
  • 32.12 Compactação
  • 32.13 Granulação
  • 32.14 Elaboração de misturas
  • 32.15 Destinação do produto reciclado
PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO
  • 1. Administração
  • 1.1 Definição
  • 1.2 Modelos
  • 1.3 Taylor
  • 1.4 Fayol
  • 1.5 Ford
  • 1.6 Abordagem na produção
  • 1.7 Modelos operacionais
  • 1.8 Processos de uma organização
  • 1.9 Interação dos processos da organização e da produção
  • 1.10 Departamentalização
  • 1.11 Organograma
  • 1.12 Fluxograma
  • 2. Planejamento da produção
  • 2.1 Ferramentas
  • 2.2 Gráficos estatísticos
  • 2.3 Cronogramas
  • 2.4 Softwares dedicados
  • 2.5 Fatores determinantes
  • 2.6 Recursos materiais
  • 2.7 Recursos humanos
  • 2.8 Recursos físicos
  • 2.9 Cronograma
  • 2.10 Custos
  • 3. Gestão da produção
  • 3.1 Parâmetros
  • 3.2 Adequação ao protótipo
  • 3.3 Quantidade
  • 3.4 Aprazamento
  • 3.5 Custos
  • 3.6 Flexibilidade
  • 3.7 Agilidade
  • 3.8 Ferramentas
  • 3.9 Gráfico de Gantt
  • 3.10 Controle Estatístico do Processo (CEP)
  • 3.11 Metodologia de Análise e Solução de Problemas (MASP)
  • 3.12 Planilhas
  • 3.13 Relatórios
  • 3.14 Softwares dedicados
  • 3.15 Índice de eficiência de:
  • 3.16 Produção
  • 3.17 Matéria-prima
  • 3.18 Mão de obra
  • 3.19 Máquinas e equipamentos
  • 3.20 Tempos
  • 3.21 Controle das condições
  • 3.22 Ambientais
  • 3.23 De saúde e segurança
  • 3.24 Controle da mão de obra
  • 3.25 Própria
  • 3.26 Terceirizada
  • 3.27 Qualidade e produtividade efetivas: desperdício e racionalização
  • 3.28 Controle de máquinas e equipamentos
  • 3.29 Instalações e condições de uso: produtividade e manutenção
  • 3.30 Métodos de controle de qualidade da produção
  • 3.31 Total
  • 3.32 Por amostragem
  • 3.33 Por exceção
  • 3.34 Autocontrole
  • 3.35 Racionalização e otimização
  • 3.36 Definição
  • 3.37 Técnicas produtivas
  • 3.38 Estudo da viabilidade técnica e econômica
  • 4. Logística
  • 4.1 Definição
  • 4.2 Cadeia de suprimentos
  • 4.3 Tipos de arranjo físico
  • 4.4 Legenda
  • 4.5 Escala
  • 4.6 Movimentação de materiais
  • 4.7 Estoque
  • 4.8 Ferramentas de controle
  • 5. Gestão da manutenção
  • 5.1 Corretiva
  • 5.2 Preventiva
  • 5.3 Preditiva
  • 5.4 TPM – Manutenção Produtiva Total
  • 6. Gestão da Qualidade, Ambiental e de Saúde e Segurança do Trabalho
  • 6.1 Definições
  • 6.2 Aplicabilidade
  • 6.3 Melhoria contínua
  • 6.4 Normas
  • 6.5 NBR ISO 14001
  • 6.6 TS 16949 e VDA 6
  • 6.7 NBR ISO 18000
  • 6.8 Normas Regulamentadoras
  • 6.9 Legislação ambiental
  • 6.10 Gerenciamento de resíduos
GESTÃO DE PESSOAS
  • 1. Visão holística e sistêmica
  • 1.1 Evolução das empresas
  • 1.2 Cenários do mundo
  • 1.3 Abertura de mercado
  • 1.4 Globalização
  • 1.5 Difusão das informações
  • 1.6 Novas posturas profissionais
  • 1.7 Funções autogerenciáveis
  • 1.8 Iniciativa
  • 1.9 Flexibilidade
  • 1.10 Objetividade
  • 1.11 Empatia
  • 1.12 Autocontrole
  • 1.13 Proatividade
  • 2. Planejamento
  • 2.1 Etapas
  • 2.2 Níveis
  • 2.3 Estratégico
  • 2.4 Gerencial
  • 2.5 Operacional
  • 2.6 Organização
  • 2.7 Controle
  • 3. Liderança
  • 3.1 Percepção
  • 3.2 Definição e fundamentos
  • 3.3 Ilusões perceptivas
  • 3.4 Organização perceptiva
  • 3.5 Diferenças individuais
  • 3.6 Definição
  • 3.7 Preconceitos
  • 3.8 Julgamento e rotulagem de pessoas
  • 3.9 Desenvolvimento das características do líder
  • 3.10 Capacidade de diagnosticar
  • 3.11 Flexibilidade de estilo
  • 3.12 O perfil do líder
  • 3.13 Humano
  • 3.14 Educador
  • 3.15 Treinador
  • 3.16 Comunicador
  • 3.17 Administrador de conflitos
  • 3.18 Gestor de mudanças
  • 3.19 Estilos
  • 3.20 Autocrático
  • 3.21 Democrático
  • 3.22 Liberal
  • 3.23 Requisitos do líder
  • 3.24 Objetivo
  • 3.25 Comunicação
  • 3.26 Seguidores
  • 3.27 Poder
  • 4. Comunicação
  • 4.1 Tipos
  • 4.2 Verbal
  • 4.3 Não verbal
  • 4.4 Como ouvir
  • 4.5 Condução de reuniões
  • 5. Trabalho em equipe
  • 5.1 Funções
  • 6. Análise de Problemas e Tomada de Decisão (APTD)
  • 6.1 Técnicas para resolução de problemas
  • 6.2 Formas de administração de conflitos
  • 6.3 Evasão
  • 6.4 Harmonização
  • 6.5 Supressão
  • 6.6 Acomodação
  • 7. Relação fornecedor-cliente
  • 7.1 Negociação
  • 7.2 Influências
  • 7.3 Na produção
  • 7.4 Na visão sistêmica
  • 7.5 Clientes e fornecedores
  • 7.6 Internos
  • 7.7 Externos
  • 7.8 Atendimento
  • 8. Motivação
  • 8.1 Ciclo motivacional
  • 8.2 Hierarquia de necessidades
  • 8.3 Fatores motivacionais
  • 8.4 Estímulos
  • 8.5 Incentivos
  • 8.6 Motivos
  • 9. Segurança
  • 9.1 Causas de acidentes
  • 9.2 Prevenção de acidentes
  • 9.3 Treinamento
  • 9.4 Levantamento das necessidades
  • 9.5 Planejamento e desenvolvimento
  • 9.6 Fundamentos
  • 9.7 Técnicas de demonstração
  • 9.8 Avaliação dos resultados
  • 10. Avaliação de desempenho
  • 10.1 Perfil
  • 10.2 Atual
  • 10.3 Desejado
  • 10.4 Critérios
  • 10.5 Tipos
  • 10.6 Individual
  • 10.7 Da equipe
DESENVOLVIMENTO DE PRODUTOS
  • 1. Desenvolvimento de Produtos
  • 1.1 Concepção
  • 1.2 Definição
  • 1.3 Etapas
  • 1.4 Conceito
  • 1.5 Modelo
  • 1.6 Produto
  • 1.7 Planejamento
  • 1.8 Ferramentas organizacionais
  • 1.9 Prazos
  • 1.10 Custos
  • 1.11 Viabilidade técnica
  • 2. Registros e patentes
  • 2.1 Definição
  • 2.2 Instituto Nacional de Patentes Industrial (INPI)
  • 2.3 Pesquisa
  • 2.4 Processo de cópia
  • 2.5 Contrato de serviço
  • 2.6 Pesquisa
  • 2.7 Mercadológica
  • 2.8 Cliente
  • 2.9 Usuário
  • 2.10 Diagnóstico
  • 2.11 Tabulações
  • 2.12 Informações detalhadas – briefing
  • 2.13 Criatividade
  • 2.14 Técnicas
  • 2.15 Metodologia
  • 3. Marketing
  • 3.1 Definição
  • 3.2 Etapas
  • 3.3 Referenciais do mercado
  • 3.4 Vida útil
  • 3.5 Tomada de decisões
  • 3.6 Concepção estética
  • 3.7 Esboço
  • 3.8 Referencias visuais
  • 3.9 Tendências
  • 3.10 Concepção funcional
  • 3.11 Desenho técnico
  • 3.12 Montagens
  • 4. Processo de fabricação
  • 4.1 Matéria-prima
  • 4.2 Acabamento
  • 4.3 Embalagem
  • 4.4 Materialização
  • 4.5 Mockup
  • 4.6 Protótipo
  • 4.7 Produto piloto
  • 5. Engenharia Reversa
  • 5.1 Definição
  • 5.2 Fluxograma de processo
  • 5.3 Tecnologias
  • 5.4 Tipos
  • 5.5 Aplicações
  • 5.6 Formas de digitalização
  • 5.7 Dimensional
  • 5.8 Estética
  • 5.9 Sistemas de saídas (extensões)
  • 5.10 Envios dos arquivos
  • 5.11 Qualidade dos arquivos
  • 5.12 Modelos de referência
  • 5.13 Ferramentas
  • 5.14 Dispositivos
  • 5.15 Produtos
  • 5.16 Modelos
  • 5.17 Equipamentos
  • 5.18 Braço
  • 5.19 Scanners
  • 5.20 Máquina de medição tridimensional
  • 5.21 Modelamento virtual
  • 5.22 Softwares
  • 5.23 Sólido
  • 5.24 Superfície
  • 5.25 Funcionalidade do modelo
  • 5.26 Desenhos e imagens
  • 5.27 Apresentação do produto
  • 5.28 Análises
  • 6. Modelagem
  • 6.1 Definição
  • 6.2 Confecção do modelo
  • 6.3 Materiais
  • 6.4 Tipos
  • 6.5 Propriedades
  • 6.6 Processo de usinagem
  • 6.7 Tipos
  • 6.8 Equipamentos
  • 6.9 Aplicações
  • 6.10 Ferramental para protótipo
  • 6.11 Projeto do ferramental
  • 7. Técnicas de produção
  • 7.1 Resinas termofixas
  • 7.2 Definição
  • 7.3 Poliésteres insaturados
  • 7.4 Epoxi
  • 7.5 Poliuretano
  • 7.6 Silicone
  • 7.7 Cargas
  • 7.8 Minerais
  • 7.9 Metálicas
  • 7.10 Endurecedor
  • 7.11 Catalisador
  • 7.12 Reforços
  • 7.13 Fatores de interferência nas reações químicas
  • 7.14 Concentração dos reagentes e cargas
  • 7.15 Temperatura
  • 7.16 Tempo
  • 7.17 Exotermia
  • 7.18 Viscosidade
  • 7.19 Try-out (teste final)
  • 8. Confecção de protótipos
  • 8.1 Seleção de materiais de acordo com:
  • 8.2 Processo
  • 8.3 Aplicação
  • 8.4 Materiais mais utilizados
  • 8.5 Poliuretano estrutural
  • 8.6 Poliuretano pele integral
  • 8.7 Poliuretano de simulação
  • 8.8 Poliéster insaturado
  • 8.9 Processos
  • 8.10 Convencionais de transformação de termoplástico
  • 8.11 Injeção por baixa pressão
  • 8.12 Avaliação de montagens
  • 8.13 Visual
  • 8.14 Dimensional
  • 8.15 Mecânica
  • 9. Prototipagem rápida
  • 9.1 Definição
  • 9.2 Tipos
  • 9.3 Esteliolitografia
  • 9.4 Sinterização a laser
  • 9.5 Deposição de material fundido (FDM)
  • 9.6 Impressão tridimensional (3D)
  • 9.7 Laser engineered net staping (LENS)
  • 9.8 Objeto de material laminado (LOM)
  • 10. Programas de Desenho Tridimensional e Simulação
  • 10.1 Área Gráfica
  • 10.2 Perfil da peça
  • 10.3 Comandos
  • 10.4 Montagem
  • 10.5 Moldes
ESTÁGIO/TCC

Carga Horária

1400 Horas

Mais Informações

* Informamos que este curso só ocorrerá se for atingido o número mínimo de alunos por turma.
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
Política de Privacidade & Copyright