telefone(85) 4009.6300

AJUSTADOR MECÂNICO

Objetivo

Preparar profissionais para ajustar, reparar, instalar peças e equipamentos em conjuntos mecânicos e dispositivos de usinagem e controle de precisão, de acordo com normas e procedimentos técnicos de qualidade, segurança, higiene e saúde.

Pré-requisito

Para realizar a matrícula, o candidato deverá:
- ter no mínimo 16 anos completos
- ter concluído 6º ano do ensino fundamental
- apresentar cópia e original dos documentos de: RG, CPF, comprovante de residência e de escolaridade.


Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

  • LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE DESENHO MECÂNICO
    • 1. Desenho
    • 2. Definição, Histórico
    • 3. Caligrafia técnica
    • 4. Figuras geométricas
    • 5. Perspectivas isométricas
    • 6. Projeções ortogonais
    • 7. Aplicação de linhas
    • 8. Cotagem
    • 9. Supressão de vistas
    • 10. Desenho em corte
    • 11. Seção
    • 12. Encurtamento
    • 13. Escalas
    • 14. Rugosidade superficial
    • 15. Tolerância dimensional
    • 16. Tolerância geométrica
    • 17. Componentes padronizados
  • TECNOLOGIA MECÂNICA
    • 1. Metais ferrosos:
    • 1.1. Processo de obtenção
    • 1.2. Transformação do ferro-gusa
    • 1.3. Ferro fundido
    • 1.4. Aços
    • 1.5. Aplicações industriais
    • 1.6. Impactos ambientais
    • 1.7. Riscos à saúde
    • 2. Metais não-ferrosos:
    • 2.1. Processo de obtenção
    • 2.2. Transformação dos metais não-ferrosos
    • 2.3. Ligas
    • 2.4. Aplicações industriais
    • 3. Elementos de máquinas:
    • 3.1. Elementos de fixação: parafusos, porcas, arruelas, rebites, pinos e pino elástico
    • 3.2. Elementos de transmissão: eixos; árvores; chavetas e mancais
    • 4. Processos mecânicos de usinagem:
    • 4.1. torneamento, fresamento, furação, retificação, plainamento e limagem
    • 5. Manutenção - Corretiva; Preventiva; Preditiva; Produtiva total (TPM)
    • 6. Tratamento térmico - Têmpera, revenimento, recozimento e normalização
    • 7. Fluido de corte - Solúveis e emulsionáveis;
    • 8. Velocidade de corte - Definição, tabelas e cálculos
    • 9. Medidas lineares - Conversões
    • 10. Instrumentos de medição - paquímetro, micrômetro, goniômetro e relógios comparador e apalpador
    • 11. Tolerância ISO - Características do sistema de tolerância e ajustes
    • 12. Procedimentos - Normas; Padrões; Higiene e segurança no trabalho; Postura; Preservação da saúde
  • OPERAÇÕES DE AJUSTAGEM
    • 1. Usinagem:
    • 1.1. Princípios de funcionamento de máquinas operatrizes
    • 1.2. Tipos de ferramentas de corte
    • 1.3. Parâmetros de corte
    • 1.4. Interpretação de tabelas
    • 1.5. Elaboração de cálculos técnicos
    • 1.6. Anel graduado
    • 2. Operações mecânicas:
    • 2.1 Limagem de:
    • 2.1.1. Superfície plana
    • 2.1.2. superfícies plana
    • 2.1.3. Paralela e perpendicular
    • 2.1.4. Superfícies côncava e convexa
    • 2.1.5. Superfície plana em ângulo
    • 2.1.6. Mateiral fino
    • 2.2. Dobramento e curvamento manual de chapa fina
    • 2.3. Puncionamento
    • 2.4. Furação e escareamento
    • 2.5. Reafiação de broca helicoidal
    • 2.6. Calibração de furos com alargador fixo manualmente
    • 2.7. Rebaixamento de furos
    • 2.8. Corte de chapa fina
    • 2.9. Rebitagem manual
    • 2.10. Roscamento manual com macho
    • 2.11. Roscamento manual com cossinete
    • 2.12. Traçagem de: retas no plano e paralelas ao plano; arcos de circunferência
    • 2.13. Fresamento de: superfície plana; rebaixos; superfície plana e paralela; superfície perpendicular; superfície plana inclinada.
    • 2.14. Serramento: manual; com serra de fita
    • 2.15.Têmpera e revenimento
    • 2.16.Esmerilhamento de superfície plana em ângulo
    • 2.17. Retificação de superfície plana, paralela e perpendicular
    • 3. Ferramentas manuais:
    • 3.1. limas
    • 3.2. riscadores
    • 3.3. régua de traçagem
    • 3.4. arco de serra
    • 3.5. punção
    • 3.6. martelo
    • 3.7. tesoura
    • 3.8. acessórios para rebitagem
    • 3.9. saca pino
    • 3.10. compasso
    • 3.11. desandadores
    • 3.12. machos
    • 3.13. cossinete
    • 3.14. porta cossinete
    • 4. Tipos de máquinas e suas características de utilização:
    • 4.1. Furadeiras
    • 4.2. Fresadoras
    • 4.3. Retificadoras
    • 4.4. Esmerilhadoras
    • 4.5. Máquinas de serrar e Forno

Carga Horária

240 Horas
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT