telefone(85) 4009.6300

TÉCNICO EM REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO

Objetivo

Habilitar profissional para elaborar projetos de instalação de sistemas de refrigeração e climatização sob supervisão; coordenar a execução da instalação e da manutenção de sistemas de refrigeração e climatização, seguindo legislação e normas técnicas, ambientais, de saúde e segurança no trabalho e utilizando as boas práticas.

Pré-requisito

Para realizar a matrícula, o interessado deverá:
- ter concluído o Ensino médio ou estar cursando no mínimo o 2º ano do ensino médio.

A matrícula poderá ser efetivada por interessados (ou responsável legal) com a apresentação de cópias dos seguintes documentos:
- histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio ou declaração da escola comprovando que o aluno está devidamente matriculado e frequentando regularmente, no mínimo, o 2º ano do ensino médio;
- carteira de identidade ou carteira nacional de habilitação;
- cadastro de pessoa física – CPF;
- comprovante de residência;
- duas fotos 3X4 atualizadas.


Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

  • DESENHO TÉCNICO
    • 1. Controle Emocional no Trabalho
    • 1.1. Perceber, avaliar e expressar emoções no trabalho
    • 1.2. Fatores internos e externos
    • 1.3. Autoconsciência
    • 1.4. Inteligência emocional
    • 2. Desenho Mecânico
    • 2.1. Escala
    • 2.1.1. Natural
    • 2.1.2. Redução
    • 2.1.3. Ampliação
    • 2.2. Projeções ortográficas
    • 2.3. Vistas e projeções auxiliares
    • 2.3.1. Perspectiva
    • 2.3.2. Isométrica
    • 2.4. Cortes, secção e encurtamento
    • 2.5. Cotagem e escalas de cotagem
    • 2.6. Tolerância dimensional e geométrica
    • 2.7. Vistas explodidas
    • 2.8. Simbologias
    • 2.9. Normalização
    • 3. Desenho Arquitetônico
    • 3.1. Simbologias
    • 3.2. Plantas
    • 3.2.1. Baixa
    • 3.2.2. Situação
    • 3.2.3. Locação
    • 3.3. Normalização
    • 4. Representação isométrica e de fluxograma de sistemas de refrigeração e climatização
    • 4.1. Tubulações hidráulicas e de fluido refrigerante
    • 4.2. Componentes hidráulicos e do ciclo frigorífico
    • 4.3. Acessórios
    • 4.4. Dutos
    • 4.4.1. Redondo
    • 4.4.2. Retangular
    • 4.4.3. Elíptico
    • 4.5. Desenhos
    • 4.5.1. Unifilar
    • 4.5.2. Multifilar
    • 4.5.3. Padrão
    • 5. Desenho Assistido por Computador (CAD)
    • 5.1. Sistema básico
    • 5.1.1. Sistema de coordenadas
    • 5.1.2. Definição
    • 5.1.3. Componentes da tela
    • 5.1.4. Regulagens da tela
    • 5.1.5. Criação de um novo desenho
    • 5.1.6. Criação de entidades
    • 5.1.7. Exibição de entidades
    • 5.1.8. Ferramentas de precisão
    • 5.1.9. Criação de hachuras
    • 5.1.10. Coleta de informações das entidades
    • 5.1.11. Seleção de objetos
    • 5.1.12. Edição de textos
    • 5.1.13. Propriedades dos objetos
    • 5.1.14. Criação de blocos
    • 5.1.15. Dimensionamento
    • 5.2. Método de visualização
    • 5.2.1. Ampliação
    • 5.2.2. Redução
    • 5.3. Comandos e ferramentas para desenho
    • 5.3.1. Apagar
    • 5.3.2. Mover
    • 5.3.3. Recortar
    • 5.3.4. Estender
    • 5.3.5. Relacionar
    • 5.3.6. Copiar
    • 5.3.7. Colar
    • 5.3.8. Limpar
    • 5.3.9. Selecionar
    • 5.3.10. Substituir
    • 5.3.11. Desfazer
    • 5.3.12. Repetir
    • 5.4. Criação de objetos
    • 5.4.1. Desenhos
    • 5.4.2. Projetos
    • 5.4.3. Perspectiva
    • 5.4.4. Modificação de objetos
    • 5.5. Controle de imagem
    • 5.5.1. Escala
    • 5.5.2. Pan
    • 5.5.3. Zoom
    • 5.6. Desenho isométrico
    • 5.6.1. Criação
    • 5.6.2. Cotagem
  • ELETROTÉCNICA
    • 1. Habilidades Básicas do Relacionamento Interpessoal
    • 1.1. Respeito
    • 1.2. Cordialidade
    • 1.3. Disciplina
    • 1.4. Empatia
    • 1.5. Responsabilidade
    • 1.6. Comunicação
    • 1.7. Cooperação
    • 2. Eletromagnetismo
    • 2.1. Aplicação em relés, solenoide
    • 2.2. E motores
    • 2.3. Tipos de corrente
    • 2.3.1. Contínua
    • 2.3.2. Alternada
    • 2.3.3. Circuitos elétricos
    • 2.4. Curtos-circuitos
    • 2.5. Sobrecargas
    • 2.6. Tipos de cargas em circuitos
    • 2.6.1. Resistivas
    • 2.6.2. Capacitivas
    • 2.6.3. Indutivas
    • 3. Instrumentos de medição
    • 3.1. Leitura e aplicação
    • 3.2. Multímetro digital (voltímetro, amperímetro, ohmímetro)
    • 3.3. Capacímetro
    • 3.4. Wattímetro
    • 3.5. Teste de isolação (insulatetester)
    • 3.6. Fasímetro
    • 4. Lei de Ohm
    • 5. Hierarquia nas Relações de Trabalho
    • 5.1. Organograma
    • 6. Grandezas elétricas
    • 6.1. Corrente
    • 6.2. Tensão
    • 6.3. Resistência
    • 6.4. Potência
    • 6.5. Múltiplos e submúltiplos para unidades de medida
    • 7. Estrutura da matéria
    • 7.1. Átomo
    • 7.2. Distribuição eletrônica
    • 7.3. Íons
    • 8. Condutores e isolantes
    • 9. Associação de resistores
    • 9.1. Capacitores em circuitos em série,
    • 9.2. Paralelo e misto
    • 9.3. Resistência equivalente
    • 9.4. Capacitância
    • 10. Tipos de redes e ramais elétricos
    • 10.1. Transformadores
    • 10.2. Redes monofásica e trifásica
    • 10.3. Tipos de ligação em redes trifásicas
    • 10.3.1. Estrela
    • 10.3.2. Triângulo
    • 10.3.3. Duplo estrela
    • 10.3.4. Duplo triângulo
    • 10.4. Características da rede
    • 10.4.1. Tensões
    • 10.4.2. Correntes de fase e linha
    • 10.4.3. Frequência
    • 10.4.4. Potência em corrente alternada
    • 10.5. Potências aparente, efetiva e reativa
    • 10.6. Fator de potência
  • FUNDAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO
    • 1. Segurança no trabalho
    • 1.1. Equipamentos de proteção individual e coletiva: tipos e funções
    • 1.2. Inspeções de segurança
    • 1.3. Agentes agressores à saúde: físicos, químicos e biológicos
    • 1.4. Mapa de riscos (finalidades)
    • 1.5. Acidentes de trabalho: conceitos, tipos ecaracterísticas
    • 2. Diretrizes Empresariais
    • 2.1. Missão
    • 2.2. Visão
    • 2.3. Política da qualidade
    • 3. Visão sistêmica
    • 3.1. Conceito
    • 3.2. Microcosmo e macrocosmo
    • 3.3. Pensamento sistêmico
    • 4. Temperatura
    • 4.1. Conceito
    • 4.2. Escalas termométricas (Celsius, Fahrenheit, Kelvin e Rankine)
    • 4.3. Cálculo para conversão de escalas termométricas
    • 4.4. Tipos de termômetros: analógico e digital (álcool, mercúrio, pressão x volume,
    • 5. variação de cor, dilatação sólida, sensores PTC e NTC, pirômetros)
    • 6. Calor
    • 6.1. Conceito
    • 6.2. Unidades de calor (caloria, BTU e Joule)
    • 6.3. Cálculo de fatores de conversão de unidades
    • 6.3.1. Transmissão de calor
    • 6.3.2. Condução
    • 6.3.3. Convecção natural e forçada
    • 6.3.4. Irradiação ou radiação
    • 6.4. Calorimetria
    • 6.4.1. Lei zero da termodinâmica
    • 6.4.2. Estados e fases da matéria
    • 6.4.3. Calores sensível e latente
    • 6.5. Capacidade Térmica e unidades (Kcal/h, BTU/h e TR)
    • 6.6. Isolação Térmica (tipos de isolantes, coeficientes de troca térmica)
    • 7. Pressão
    • 7.1. Conceito: relação força e área
    • 7.2. Pressão atmosférica
    • 7.2.1. Manométrica ou relativa
    • 7.2.2. Absoluta e negativa ou vácuo
    • 7.3. Unidades usuais de pressão
    • 7.3.1. Bar
    • 7.3.2. Libra-força por polegada quadrada e milímetros de mercúrio
    • 7.3.3. Pascal
    • 7.3.4. Torricelli
    • 7.3.5. Quilograma-força por centímetro quadrado e metro de coluna d'água
    • 7.4. Cálculos de fatores para conversão de unidades
    • 7.5. Tipos e utilização de medidores de pressão
    • 7.5.1. Manômetros do tipo Bourdon
    • 7.5.2. Vacuômetros
    • 7.5.3. Conjuntos manifold analógicos e digitais
    • 8. Ciclo de refrigeração a compressão de vapor
    • 8.1. Ciclo termodinâmico
    • 8.2. Componentes básicos
    • 8.3. Fluxogramas
    • 9. Técnicas para reoperação de sistemas de refrigeração e climatização
    • 9.1. Evacuação e desidratação
    • 9.2. Carga de fluido refrigerante
    • 9.3. Recolhimento de fluido refrigerante no sistema frigorífico
    • 9.4. Lacre de unidade selada
    • 9.5. Pressurização e detecção de vazamentos (teste de estanqueidade)
    • 9.6. Procedimentos de segurança
    • 9.7. Limpeza interna de sistemas com recirculação de fluido
    • 9.8. Ajustes de parâmetros de funcionamento dos sistemas de refrigeração e climatização (massa, pressão, temperaturas e diferenciais de temperatura, intensidade de corrente)
    • 10. Princípios de refrigeração e climatização
    • 10.1. Histórico da refrigeração (conservação de alimentos e conforto térmico)
    • 10.2. Absorção e liberação de calor na mudança de estado físico
    • 10.3. Relação pressão e temperatura
    • 11. Componentes mecânicos do ciclo a compressão de vapor
    • 11.1. Compressores
    • 11.1.1. Acoplamento
    • 11.1.2. Mecânica de compressão
    • 11.1.3. Alimentação elétrica e pressão
    • 11.1.4. Temperatura de retorno
    • 11.2. Condensadores e evaporadores
    • 11.2.1. Tipos de convecção
    • 11.2.2. Tipo de trocador de calor
    • 11.3. Dispositivos de expansão
    • 11.3.1. Capilares
    • 11.3.2. Válvulas de expansão manuais
    • 11.3.3. Válvulas termostáticas
    • 11.3.4. Válvulas elétricas e eletrônicas
    • 11.4. Filtros secadores
    • 11.4.1. Universais
    • 11.4.2. GE
    • 11.4.3. Molecular sieves
    • 11.4.4. Sílica gel
    • 11.5. Visores de líquido
    • 11.6. Acumuladores de sucção ou separadores de líquido
    • 11.7. Separadores de óleo
    • 11.8. Válvulas
    • 11.8.1. Solenoides
    • 11.8.2. De bloqueio
    • 11.8.3. Reguladores ou controladores de pressão
    • 11.9. Tubulações de refrigeração (cobre, alumínio e aço carbono)
    • 12. Fluidos refrigerantes
    • 12.1. Conceito e características
    • 12.2. Tipos: CFC, HFC, HCFC e alternativos
    • 12.3. Misturas azeotrópicas e nãoazeotrópicas
    • 12.4. Nomenclatura padronizada
    • 12.5. Aplicações
    • 12.6. Legislação vigente relacionada aos fluidos refrigerantes, CFC, HFC, HCFC e naturais
    • 12.7. Aplicação de tabelas de saturação e gráfico pressão x entalpia
    • 12.8. Compatibilidade com óleos lubrificantes
    • 13. Ciclo de refrigeração a absorção simples (residencial)
    • 14. Ferramentas e operações específicas da refrigeração e climatização
    • 14.1. Alinhamento/desempeno de tubos de cobre
    • 14.2. Corte de tubos de cobre
    • 14.3. Escareamento de tubos de cobre
    • 14.4. Alargamento de tubos de cobre
    • 14.5. Flangeamento de tubos cobre
    • 14.6. Dobramento (curvas) de tubos de cobre
    • 14.7. Conexões (flange, brasagem, Lokring)
    • 15. Brasagem de tubos para refrigeração e climatização
    • 15.1. Equipamento de brasagem
    • 15.1.1. Tipos
    • 15.1.2. Ajustes de pressão
    • 15.1.3. Tipos de chama
    • 15.1.4. Dispositivos de segurança
    • 15.1.5. Metais de adição ou varetas (Foscoper, silfoscoper, prata, latão ou amarela e alumínio) e fluxos
    • 15.1.6. Procedimentos e técnicas de brasagem (fluxo de nitrogênio)
    • 15.1.7. Procedimentos de segurança
  • INFORMÁTICA BÁSICA
    • 1. Internet
    • 1.1. Navegação
    • 1.2. Ferramentas de pesquisa
    • 1.3. Correios eletrônicos
    • 1.4. Sistemas de armazenamento de dados na nuvem
    • 2. Qualidade Ambiental
    • 2.1. Homem e o meio ambiente
    • 2.2. Prevenção à poluição ambiental
    • 2.3. Aquecimento global
    • 2.4. Descarte de resíduos
    • 2.5. Uso racional de recursos e energias disponíveis
    • 2.6. Energias renováveis
    • 2.7. Reciclagem de resíduos
    • 3. Computadores e seus componentes
    • 3.1. Hardware e softwares
    • 3.2. Sistemas operacionais
    • 3.3. Dispositivos de memória
    • 4. Editor de textos (Word ou Writer)
    • 4.1. Introdução
    • 4.2. Criação de documento
    • 4.3. Salvar documento
    • 4.4. Visualização de documento e impressão
    • 4.5. Impressão de documento
    • 4.6. Abertura de documento existente
    • 4.7. Seleção de texto
    • 4.8. Recorte, cópia e colagem de textos
    • 4.9. Exclusão de textos
    • 4.10. Configuração de estilos
    • 4.11. Utilização das principais barras de ferramentas
    • 4.12. Inclusão de figuras em documentos
    • 4.13. Configuração de página: margens, espaçamentos, tabulação, número de páginas
    • 4.14. o Criação de cabeçalho e rodapé
    • 5. Editor de Planilhas de dados e cálculos (Excel ou Calc)
    • 5.1. Introdução
    • 5.2. Barras de tarefas e ambiente de trabalho
    • 5.3. Funções básicas
    • 5.4. Exemplos: cálculo ABS, planilha de compras, boletim escolar, folha de pagamento, orçamento doméstico, gráficos
    • 6. Editor de apresentações multimídia (Power Point ou Impress)
    • 6.1. Introdução
    • 6.2. Barras de tarefa e ambiente de trabalho
    • 6.3. Criação de apresentação
    • 6.3.1. Slide mestre
    • 6.3.2. Cuidados na elaboração
    • 6.3.3. Inserção de filmes e sons
    • 6.4. Personalização de apresentação
    • 6.4.1. Hiperlinks entre slides, arquivos e páginas da internet
  • METROLOGIA DIMENSIONAL
    • 1. Ética
    • 1.1. Código de conduta
    • 1.2. Respeito às individualidades pessoais
    • 1.3. Ética nas relações interpessoais
    • 2. Unidades de medidas
    • 2.1. Sistema métrico decimal
    • 2.2. Sistema inglês (polegada decimal e fracionária)
    • 3. Definições e história da metrologia
    • 4. Conceitos e terminologia
    • 5. Sistema Internacional de medidas - SI
    • 6. Conversões do sistema inglês para métrico
    • 7. Instrumentos de medição (tipos, leitura e utilização)
    • 7.1. Escala
    • 7.2. Trena
    • 7.3. Paquímetro
    • 7.4. Micrômetro
    • 7.5. Relógio comparador
    • 7.6. Goniômetro
    • 7.7. Verificador de folgas
    • 8. Noções de “erros” de medição
    • 9. Noções de confiabilidade metrológica
  • REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO RESIDENCIAL
    • 1. Ética
    • 1.1. Senso moral
    • 1.2. Consciência moral
    • 1.3. Cultura, história e dilema
    • 1.4. Cidadania
    • 1.5. Comportamento social
    • 1.6. Direitos e deveres individuais e coletivos
    • 1.7. Valores pessoais e universais
    • 1.8. Código de ética profissional
    • 1.9. Impacto da falta de ética ao país: pirataria, impostos
    • 2. Orientações de Prevenção de Acidentes
    • 2.1. Prevenção e combate a incêndio: conceito e importância de PPCI
    • 2.2. Sinalizações de segurança
    • 2.3. PPRA: (conceito, finalidades)
    • 3. Organização de Ambientes de Trabalho
    • 3.1. Organização de ferramentas e instrumentos: formas, importância
    • 3.2. Princípios de organização
    • 3.3. Organização do espaço de trabalho
    • 4. Conceitos de organização e disciplina no trabalho: tempo, compromisso e atividades
    • 5. Planejamento da manutenção
    • 5.1. Coleta de dados do sistema
    • 5.2. Definição das atividades de manutenção
    • 5.3. Periodicidade da manutenção
    • 5.4. Cronograma de manutenção
    • 5.5. Especificação de insumos
    • 5.6. Formação do custo de manutenção
    • 5.7. Fichas de registro da manutenção
    • 6. Noções de conforto térmico
    • 6.1. Definição
    • 6.2. Formas de transmissão de calor do corpo humano
    • 6.3. Metabolismo humano (atividades físicas)
    • 6.4. Normalização
    • 7. Diagramas elétricos e frigoríficos
    • 7.1. Refrigerador convencional
    • 7.2. Refrigeradores especiais (duplex, frost-free, placa fria, side by side)
    • 7.3. Freezers horizontal e vertical
    • 7.4. Bebedouros (pressão, garrafão e sistema Peltier)
    • 7.5. Fabricador de gelo em cubo
    • 7.6. Refresqueiras/suqueiras
    • 7.7. ACJ (Condicionador de ar tipo janela)
    • 7.8. Split-system tipo Hi-wall
    • 8. Carga térmica
    • 8.1. Definição de carga térmica
    • 8.2. Características do ambiente
    • 8.3. Fontes geradoras de calor
    • 8.4. Cálculo simplificado
    • 8.5. Seleção de equipamentos
    • 9. Instalação de equipamentos e sistemas
    • 9.1. Aspectos da instalação elétrica
    • 9.2. Instalação hidráulica (alimentação e drenagem)
    • 9.3. De refrigeração e climatização residencial (refrigeradores especiais, bebedouros, ACJ e split system)
    • 9.4. Aspectos da instalação física
    • 9.4.1. Posicionamento
    • 9.4.2. Fixação
    • 9.4.3. Conexões
    • 10. Principais falhas e testes elétricos em componentes eletroeletrônicos e eletromecânicos
    • 10.1. Relés de partida
    • 10.2. Dispositivos de proteção
    • 10.3. Protetor térmico
    • 10.4. Termostato
    • 10.5. Sensores
    • 10.6. Resistências elétricas
    • 10.7. Interruptores
    • 10.8. Chaves seletoras
    • 10.9. Capacitores
    • 10.10. Solenoides
    • 10.11. Compressores
    • 10.12. Timers
    • 10.13. Motoventilador
    • 10.14. Servomotor
    • 10.15. CPU de refrigeradores e condicionadores de ar(entradas e saídas)
    • 11. Operações de manutenção em equipamentos de refrigeração e climatização residencial
    • 11.1. Substituição de componentes elétricos
    • 11.2. Substituição de componentes mecânicos
    • 11.2.1. Compressores
    • 11.2.2. Filtro secador
    • 11.2.3. Capilares
    • 11.2.4. Condensadores
    • 11.2.5. Evaporadores
    • 11.2.6. Tubulações
    • 11.3. Teste de compressão
    • 11.4. Substituição de óleo lubrificante
    • 11.5. Limpeza de circuito frigorífico
    • 11.6. Teste de vazamentos
    • 11.7. Evacuação e desidratação
    • 11.8. Carga de fluido refrigerante
    • 11.9. Recolhimento de fluido
    • 11.10. Limpeza externa de condensadores e evaporadores
    • 11.11. Análise de rendimento e ajuste
  • COMANDOS ELÉTRICOS
    • 1. Organização do Trabalho
    • 1.1. Estruturas hierárquicas
    • 1.2. Controle de atividades
    • 1.3. Sistemas administrativos
    • 1.4. Gestão organizacional
    • 2. Conflitos nas Organizações
    • 2.1. Tipos
    • 2.2. Características
    • 2.3. Fatores internos e externos
    • 2.4. Causas
    • 2.5. Consequências
    • 3. A importância da organização do local de trabalho
    • 4. Comandos elétricos
    • 4.1. Definição
    • 4.2. Aplicações em climatização
    • 5. Tecnologia de componentes
    • 5.1. Motores elétricos
    • 5.1.1. Funcionamento
    • 5.1.2. Classificação (Corrente Contínua, Corrente Alternada, Alimentação Monofásica e/ou Bifásica, Alimentação Trifásica)
    • 5.1.3. Características construtivas e de funcionamento
    • 5.2. Condutores Elétricos
    • 5.2.1. Tipos
    • 5.2.2. Bitolas
    • 5.2.3. Isolação
    • 5.3. Fusíveis
    • 5.3.1. Tipos (diametral - D, NH e cartucho de vidro)
    • 5.3.2. Atuação (ações retardada, rápida e ultrarrápida)
    • 5.4. o Disjuntores
    • 5.4.1. Tipos de atuação (disjuntores térmicos, magnéticos, termomagnéticos, disjuntores motores, interruptores e disjuntores diferenciais residuais)
    • 5.4.2. Tipos de conexão (monopolar, bipolar, tripolar e tetrapolar)
    • 5.4.3. Curvas de atuação
    • 5.5. Chaves e botões
    • 5.5.1. Tipos
    • 5.5.2. Contatos (normalmente abertos, normalmente fechados, comutadores, contatos múltiplos)
    • 5.5.3. Simbologia
    • 5.5.4. Numeração
    • 5.6. Contatores
    • 5.6.1. Princípios de funcionamento
    • 5.6.2. Contatos elétricos de força e comando
    • 5.6.3. Classes de acionamentos - aplicação (“AC”, “CC”)
    • 5.6.4. Tensões de alimentação
    • 5.7. Relés térmicos ou de sobrecarga
    • 5.7.1. Princípios de funcionamento
    • 5.7.2. Tipos (eletromecânico e eletrônico)
    • 5.7.3. Contatos
    • 5.7.4. Faixas de atuação e ajustes
    • 5.8. Relés da falta de fases e neutro
    • 5.8.1. Atuação
    • 5.8.2. Contatos
    • 5.9. Relés sequenciais de fases
    • 5.9.1. Atuação
    • 5.9.2. Contatos
    • 5.10. Temporizadores
    • 5.10.1. Funcionamento e aplicação
    • 5.10.2. Principais tipos (com retardo na energização, com retardo após energização, estrela-triângulo e cíclicos)
    • 5.11. Sinalização e alarmes
    • 5.11.1. Lâmpadas de sinalização
    • 5.11.2. Sirenes
    • 5.12. Termostatos
    • 5.12.1. Funcionamento
    • 5.12.2. Principais tipos
    • 5.13. Pressostatos
    • 5.13.1. Funcionamento
    • 5.13.2. Principais tipos
    • 5.13.3. Regulagem/Ajustes
    • 5.14. Controladores eletrônicos de pressão e temperatura
    • 5.14.1. Aplicações
    • 5.14.2. Funcionamento
    • 5.14.3. Parametrização
    • 6. Aplicação de simbologias e diagramas elétricos
    • 6.1. Representação de componentes e construção de diagramas elétricos
    • 6.2. Acionamento e comando de chave de partida direta
    • 6.3. Acionamento e comando de chave de partida estrela-triângulo
    • 6.4. Acionamento e comando de chave de partida compensadora
    • 7. Construção e montagem de quadros elétricos
    • 7.1. Trilhos de fixação
    • 7.2. Canaletas
    • 7.3. Conectores
    • 7.4. Corte e fixação de componentes (quadro e tampa)
    • 8. Identificação, diagnóstico e resolução de falhas em circuitos elétricos
    • 9. Dimensionamento e seleção de componentes eletroeletrônicos e eletromecânicos para quadros de acionamento e partida de sistemas de climatização.
  • INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO
    • 1. Manutenção
    • 1.1. Definição
    • 1.2. Métodos e tipos
    • 1.3. Controle
    • 2. Sistema de Gestão Ambiental
    • 2.1. ISO14000: aspectos centrais
    • 3. Meio Ambiente e Sustentabilidade
    • 3.1. Responsabilidades socioambientais
    • 3.2. Políticas públicas ambientais
    • 3.3. A indústria e o meio ambiente
    • 4. Planejamento da instalação
    • 4.1. Dados de projeto
    • 4.2. Atividades de instalação
    • 4.3. Verificação de componentes e insumos, ferramentas e instrumentos, equipamentos de proteção individual - EPI, normas
    • 4.4. Mão de obra necessária
    • 4.5. Procedimentos para destinação de resíduos
    • 4.6. Cronograma de instalação
    • 4.7. Procedimentos de segurança na instalação
    • 5. Sistemas de climatização
    • 5.1. Conceitos e características construtivas
    • 5.2. Fluxogramas
    • 6. Sistemas de aquecimento
    • 6.1. Por resistências
    • 6.2. Bombas de calor
    • 6.3. Recuperadores de calor
    • 7. Noções de psicrometria
    • 7.1. Definição das grandezas
    • 7.1.1. Temperaturas de bulbo seco
    • 7.1.2. Bulbo úmido
    • 7.1.3. Umidade relativa
    • 7.1.4. Temperatura de ponto de orvalho
    • 7.1.5. Umidade relativa e absoluta
    • 7.1.6. Volume específico
    • 7.1.7. Entalpia
    • 7.2. Composição do ar atmosférico
    • 7.3. Lei de Dalton ou das pressões parciais
    • 7.4. Carta ou diagrama psicrométrico
    • 7.5. Processos psicrométricos
    • 8. Sistemas de ventilação
    • 8.1. Natural e forçada
    • 8.2. Diluidora e exaustora
    • 9. Sistemas de filtragem
    • 9.1. Aplicações
    • 9.2. Qualidade do ar interior
    • 9.3. Classificação e tipos de filtros de ar
    • 9.4. Critérios para seleção de filtros de ar
    • 10. Sistemas de umidificação e desumidificação
    • 10.1. Cilindro dessecante
    • 10.2. Superfície resfriada
    • 10.3. Convecção induzida
    • 11. Sistemas de salas limpas
    • 11.1. Definição
    • 11.2. Características
    • 11.3. Classificação
    • 12. Sistemas unitários e centrais com expansão direta
    • 12.1. Conceitos
    • 12.2. Sistemas hidráulicos (circuitos de água gelada)
    • 12.3. Componentes
    • 12.3.1. Fancoil
    • 12.3.2. Fancoletes
    • 12.3.3. Válvulas de bloqueio
    • 12.3.4. Reguladora de vazão, 3 vias de retenção de controle
    • 12.3.5. Filtro de linha
    • 12.3.6. Purgador de ar
    • 12.3.7. Tubulação de água
    • 12.3.8. Bomba- d’água
    • 12.4. Fluxogramas
    • 12.5. Aplicações
    • 13. Equipamentos de climatização
    • 13.1. Circuito frigorifico e seus componentes
    • 13.2. Diagramas e componentes mecânicos, elétricos e eletroeletrônicos
    • 13.3. Identificação e correção de falhas
    • 13.3.1. De origem elétrica
    • 13.3.2. De origem mecânica
    • 13.3.3. Simulação de falhas
    • 13.4. Procedimentos de instalação, manutenção, operação e segurança
    • 13.5. TAB - Teste de Ajuste e Balanceamento
    • 14. Split-systems
    • 14.1. Hi-wall
    • 14.2. Cassete
    • 14.3. Piso-teto
    • 14.4. Canto-teto
    • 14.5. Dutado (convencionais, bi e multi, e inverter)
    • 14.6. VRFs (Variable Refrigerant Flow)
    • 14.7. VAVs (Volume de ar variável)
    • 14.8. Self-containeds
    • 14.9. Local ou remoto
    • 14.10. Roof-tops
    • 14.11. Condensação a ar e água
    • 14.12. Resfriadores de líquido - chillers
    • 14.12.1. Circuitos de água gelada
    • 14.12.2. Componentes
    • 14.12.3. Termoacumulação
    • 14.12.4. Circuitos de água de condensação
    • 14.12.5. Chillers à absorção simples e duplo estágio
    • 14.12.6. Controle de capacidade
    • 15. Planejamento da manutenção preventiva
    • 15.1. Coleta de dados do sistema
    • 15.2. Definição das atividades de manutenção
    • 15.3. Mão de obra necessária
    • 15.4. Periodicidade da manutenção
    • 15.5. Cronograma de manutenção
    • 15.6. Formação do custo de manutenção
    • 15.7. Fichas de registro da manutenção
    • 15.8. Plano de Manutenção (PMOC)
    • 16. Utilização de Instrumentos de medição
    • 16.1. Psicrômetro
    • 16.2. Termo-higrôanemometro
    • 16.3. Refratômetro
    • 16.4. Tensiômetro
    • 16.5. Alinhador a laser
    • 16.6. Tacômetro
    • 16.7. Medidor de vazão de água
    • 16.8. Medidor de vazão em bocas de ar (balômetro)
    • 16.9. Tubo de Pitot
    • 16.10. Manômetro “U”
    • 16.11. Manômetro hidrônico
  • MECÂNICA DOS FLUIDOS
    • 1. Natureza dos fluidos
    • 1.1. Definição (fluidos)
    • 1.2. Diferença entre líquido e gases
    • 1.3. Sistemas de unidades
    • 1.4. Densidade
    • 1.5. Massa e peso específicos
    • 1.6. Pressão de vapor
    • 1.7. Vazão em volume
    • 1.8. Vazão em massa
    • 1.9. Rendimento
    • 1.10. Velocidade
    • 1.11. Teorema de Stevin
    • 1.12. Lei de Pascal
    • 1.13. Transformação de unidades
    • 1.14. Viscosidade dos fluidos
    • 1.14.1. Dinâmica
    • 1.14.2. Cinemática
    • 2. Escoamento de fluidos
    • 2.1. Equação da continuidade
    • 2.2. Equação de Bernoulli e de energia
    • 3. Regimes do escoamento
    • 3.1. Escoamento laminar e turbulento
    • 3.2. Nº de Reynolds
    • 4. Escoamento viscoso em condutas
    • 4.1. Perdas por atrito em escoamento laminar e turbulento
    • 4.2. Perdas de carga singulares
    • 4.3. Determinação de perdas de carga em tubos em série
    • 5. Forças provocadas por fluidos em movimento
    • 5.1. A segunda Lei de Newton
    • 5.2. Equação de impulso
    • 5.3. Forças em objetos estacionários e em movimento
    • 6. Bomba hidráulica e ventiladores
    • 6.1. Tipos
    • 6.2. Cavitação
    • 6.3. Curvas características
    • 6.4. Leis da semelhança
    • 6.5. Ponto de funcionamento
    • 6.6. Altura de aspiração
    • 7. Virtudes profissionais: conceitos e valores
    • 7.1. Responsabilidade
    • 7.2. Iniciativa
    • 7.3. Honestidade
    • 7.4. Sigilo
    • 7.5. Prudência
    • 7.6. Perseverança
    • 7.7. Imparcialidade
  • TERMODINÂMICA
    • 1. Transferência de calor
    • 1.1. Cálculos
    • 1.2. Por condução
    • 1.3. Por convecção
    • 1.4. Efeito combinado: conduçãoconvecção
    • 1.5. Fontes de calor: internas, externas
    • 1.6. Isolamento térmico em tubos e paredes
    • 2. Conceitos fundamentais
    • 2.1. Lei dos gases
    • 2.2. Lei dos gases ideais
    • 2.3. Energia interna
    • 3. Trabalho realizado na expansão de um gás ideal
    • 4. Primeira lei da termodinâmica
    • 4.1. Ciclo de Carnot
    • 4.2. Processos isocórico, isobárico, isotérmico e adiabático
    • 5. Segunda lei da termodinâmica
    • 5.1. Processos reversíveis
    • 5.2. Irreversibilidade dos processos térmicos reais
    • 5.3. Ciclos de potência
    • 6. Ciclos de refrigeração no diagrama pressão x entalpia
    • 6.1. Identificação de pontos no diagrama P x h: líquido subresfriado, líquido saturado, região de líquido-vapor, vapor saturado e vapor superaquecido
    • 6.2. Linhas de entalpia, entropia, temperatura, pressão e volume específico
    • 7. COP(coeficiente de performance) do ciclo de refrigeração
    • 8. Trocadores de calor
    • 8.1. Definição
    • 8.2. Fluxo de calor e cálculo
    • 8.3. Coeficiente de condutividade térmica
    • 8.4. Coeficiente global de transferência de calor
    • 8.5. Diferença média logarítima de temperatura
    • 9. Autorresponsabilidade e empreendedorismo
    • 10. A construção da missão pessoal
    • 11. Valores do empreendedor: persistência e comprometimento
    • 12. Persuasão e rede de contatos
    • 13. Independência e autoconfiança
    • 14. Cooperação como ferramenta de desenvolvimento
  • ELETRÔNICA APLICADA
    • 1. Indutores
    • 1.1. Indutores fixos e variáveis
    • 1.2. Características técnicas de especificação
    • 1.3. Simbologia
    • 1.4. Testes
    • 2. Capacitores
    • 2.1. Capacitores fixos e variáveis
    • 2.2. Características técnicas de especificação (tipo, capacitância, tolerância e tensão)
    • 2.3. Simbologia
    • 2.4. Testes
    • 3. Conceitos de Grupo e Equipe
    • 4. Trabalho em equipe
    • 4.1. Trabalho em grupo
    • 4.2. Responsabilidades individuais e coletivas
    • 4.3. Cooperação
    • 4.4. Divisão de papéis e responsabilidades
    • 4.5. Compromisso com objetivos e metas
    • 4.6. Relações com o líder
    • 4.7. Relacionamento com os colegas de equipe
    • 5. Resistores
    • 5.1. Resistores fixos e variáveis
    • 5.2. Código de cores
    • 5.3. Simbologia
    • 5.4. Testes
    • 6. Varistores
    • 7. Relés de contato sólido
    • 8. Semicondutores tipo “N” e tipo “P”
    • 9. Diodo Semicondutor
    • 9.1. Comum
    • 9.2. Zenner
    • 9.3. LED
    • 10. Circuitos retificadores de tensão e corrente
    • 10.1. Meia onda
    • 10.2. Onda completa
    • 10.3. Ponte retificadora
    • 10.4. Tensão de Riplle
    • 11. Fontes de alimentação CC
    • 12. Transistor bipolar NPN e PNP
    • 12.1. Tipos de polarização
    • 12.2. Ganho
    • 12.3. Testes
    • 12.4. Aplicações simples em circuitos eletrônicos
    • 13. Reguladores de tensão
    • 14. Sistemas numéricos
    • 14.1. Decimal
    • 14.2. Binário
    • 14.3. Hexadecimal
    • 14.4. Conversão de sistemas
    • 15. Níveis lógicos
    • 15.1. Tabela verdade
    • 15.2. Portas lógicas
    • 15.3. Noções de Álgebra de Boole
    • 16. Memórias
    • 17. Montagem de circuitos em prontboard (mínimo)
    • 17.1. Fonte refitificadora de meia onda
    • 17.2. Fonte retificadora de onda completa
    • 17.3. Relé fotoelétrico
    • 18. Utilização básica de instrumentos
    • 18.1. Multímetro de bancada
    • 18.2. Capacímetros
    • 18.3. Gerador de sinais
    • 18.4. Osciloscópios
    • 19. Utilização básica de estações de solda
  • INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO COMERCIAL
    • 1. Trabalho e Profissionalismo
    • 1.1. Administração do tempo
    • 1.2. Autonomia e iniciativa
    • 1.3. Inovação, flexibilidade e tecnologia
    • 2. Segurança e normalização
    • 3. Equipamentos de refrigeração comercial
    • 3.1. Balcões expositores verticais e horizontais
    • 3.2. Ilhas de congelados
    • 3.3. Sorveteiras/picoleteiras
    • 4. Fabricadores de gelo
    • 4.1. Fabricadores de gelo em cubo
    • 4.2. Fabricadores de gelo em escamas
    • 4.3. Fabricadores de gelo em barra
    • 5. Câmaras frigoríficas comerciais
    • 5.1. Características construtivas (isolamentos térmicos, portas, barreiras de vapor, cortinas de ar, acessórios)
    • 5.2. Características operacionais (temperaturas e pressões de operação, umidade relativa, acesso e formas de armazenamento, e rotatividade)
    • 5.3. Cálculo estimativo de carga térmica
    • 6. Ciclos típicos de refrigeração comercial
    • 7. Componentes específicos aplicados a sistemas de refrigeração comercial
    • 7.1. Evaporadores
    • 7.1.1. Expansão seca
    • 7.2. Condensadores
    • 7.2.1. Condensadores de convecção forçada -ar
    • 7.2.2. Condensadores remotos
    • 7.3. Compressores
    • 7.3.1. Compressores tipo alternativo simples
    • 7.3.2. Compressores tipo alternativo com válvula Discus
    • 7.3.3. Compressores rotativos do tipo scroll
    • 7.4. Válvulas de expansão termostáticas e eletrônicas
    • 7.5. Válvulas solenoides
    • 7.6. Válvulas de controle para refrigerante HCFC
    • 7.6.1. KVP
    • 7.6.2. KVC
    • 7.6.3. KVL
    • 7.6.4. NRV
    • 7.6.5. NRD
    • 7.7. Registros ou válvulas de bloqueio manuais
    • 7.8. Separadores de óleo
    • 7.9. Tubulações
    • 7.9.1. Montagem e instalações
    • 7.9.2. Tubulações de drenagem
    • 7.10. Acumuladores de sucção ou separadores de líquido
    • 7.11. Recipientes ou tanques de líquido
    • 8. Ciclos de Degelo
    • 8.1. Resistências
    • 8.2. By-pass de vapor superaquecido - “gás quente”
    • 8.3. Degelo com água
    • 9. Fluidos refrigerantes (CFC, HCFC, HFC e alternativos)
    • 9.1. Características físico-químicas
    • 9.2. Aplicações
    • 9.3. Diagrama de Mollier (P x h)
    • 10. Diagramas típicos de acionamentos e comandos elétricos de equipamentos comerciais
    • 11. Parametrização de controladores digitais de temperatura e degelos
    • 12. Atividades de instalação, operação e manutenção em sistemas de refrigeração comercial
    • 12.1. Planejamento de instalação e manutenção
    • 12.2. Montagem e instalação de tubulações
    • 12.3. Montagem e instalação de quadros elétricos
    • 12.4. Recolhimento de fluidos com recolhedora e no próprio sistema
    • 12.5. Substituição de componentes de sistemas de refrigeração
    • 12.6. Adição de óleo lubrificante ao compressor
    • 12.7. Testes de vazamentos ou estanqueidade
    • 12.8. Evacuação e desidratação
    • 12.9. Operações de recarga de fluido
    • 13. Medição de grandezas físicas
    • 13.1. Temperatura e umidade
    • 13.2. Pressão
    • 13.3. Velocidades e vazão de ar
    • 13.4. Intensidade de corrente elétrica
    • 13.5. Tensão elétrica
    • 13.6. Umidade relativa
    • 14. Ajustes de pressostatos de alta, baixa, óleo e controle de capacidade
    • 15. Ajustes de relés de sobrecarga e disjuntores motores
    • 16. Acionamento de degelos por “gás quente”
    • 17. Testes nos sistemas de controle de capacidade
  • INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL
    • 1. Trabalho e Profissionalismo
    • 1.1. Administração do tempo
    • 1.2. Autonomia e iniciativa
    • 1.3. Inovação, flexibilidade e tecnologia
    • 2. Sistemas específicos com amônia e CO2
    • 3. Medidas de segurança e primeiros socorros em casos de acidentes com amônia
    • 4. Ciclos de degelo: por by-pass de gás quente e água
    • 5. Câmara frigorífica industrial:Características Construtivas, Isolamento Térmico, Porta, Barreiras de vapor, Cortina de ar, Acessórios, Características Operacionais, Temperaturas de armazenamento, Umidade Relativa interior, Acesso e Rotatividade de Produtos
    • 6. Ciclos típicos de refrigeração industrial (HCFC e NH3): simples estágio; duplo estágio, em cascata; sistema economizer e controle de capacidade
    • 7. Transportes Frigoríficos: placas eutéticas (frigorias); válvulas especiais; sistema de comutação/acionamento do compressor por motor endotérmico e elétrico nas tensões trifásicas para 220V e 380V
    • 8. Produtores (fabricadores) de gelo: em cubo, barra, pedras cilíndricas, escamas fina, grossa, tubular e laminar
    • 9. Ciclo de extração de gelo
    • 10. Túnel de congelamento: princípio de funcionamento; circuito de refrigeração
    • 11. Características, aplicação na refrigeração, diagrama de Mollier (P x H)
    • 12. Componentes: evaporadores do tipo expansão seca e inundado; condensadores carcaça-tubo (shell and tube) e evaporativo; compressores do tipo alternativo pistão e Discus, parafusos e scroll; válvulas de expansão e boia de nível; válvulas solenoides; separador de óleo e líquido; recipientes de líquido; bomba de recalque de amônia; purificador de amônia;
    • 13. Válvulas reguladoras KVP, KVL, NRD para fluidos refrigerantes HCFC aplicados em sistemas industriais
    • 14. Circuito de água de condensação: bombas, torre de resfriamento, chaves de fluxo
    • 15. Controlador de nível de amônia: nível alto, baixo e alarme
    • 16. Diagramas elétricos de comando
    • 17. Práticas de recolhimento do fluido refrigerante; recarga de fluido refrigerante (amônia) no sistema; verificação de pressões e temperaturas; regulagem de pressostato; teste de vazamento na unidade frigorífica; testes de funcionamento de válvula de controle de nível; acionamento de bombas de recalque e condensação; análise de funcionamento do sistema de controle de capacidade; adição de óleo lubrificante ao compressor; purga de óleo do sistema; purga de ar do sistema; acionamento de degelo por gás quente
    • 18. TAB – Teste de Ajuste e Balanceamento do sistema de refrigeração industrial
  • MANUTENÇÃO DE COMPRESSORES
    • 1. Comportamento e Equipes de Trabalho
    • 1.1. O homem como ser social
    • 1.2. O papel das normas de convivência em grupos sociais
    • 1.3. A influência do ambiente de trabalho no comportamento
    • 1.4. Fatores de satisfação no trabalho
    • 2. Trabalho em equipe
    • 2.1. Níveis de autonomia nas equipes de trabalho
    • 3. Tipos e causas das falhas em compressores de refrigeração e erros de diagnósticos
    • 4. Ciclos de lubrificação em compressores de refrigeração
    • 5. Efeitos do aquecimento excessivo no compressor
    • 6. Relações de compressões
    • 7. Cálculos de desbalanceamento de tensão e correntes
    • 8. Operações de manutenção de compressores
    • 8.1. Desmontagem e montagem de compressores abertos e semi-herméticos
    • 8.2. Drenagem e substituição de óleo lubrificante
    • 8.3. Substituição de guarnições (juntas)
    • 9. Substituição de selos de vedação
    • 10. Seleção de placas de válvulas
    • 11. Substituição e alinhamento de conjunto de polias
    • 12. Substituição de eixo excêntrico, bielas, pistões
    • 13. Teste de vazamento
    • 14. Evacuação de desidratação
    • 15. Teste de compressão
  • AUTOMAÇÃO APLICADA À REFRIGERAÇÃO E À CLIMATIZAÇÃO
    • 1. Segurança no trabalho
    • 1.1. Comportamento seguro
    • 1.2. Qualidade de vida no trabalho: cuidados com a saúde, administração de stress
    • 1.3. Procedimentos de segurança no trabalho
    • 1.4. Normas de Segurança do Trabalho (Regulamentadoras, OHSAS 18001 - conceitos e aplicações)
    • 2. Instrumentação
    • 2.1. Introdução
    • 2.2. Definições
    • 2.3. Terminologias
    • 2.4. Simbologia ISA 5.1
    • 2.5. Funções dos instrumentos
    • 2.5.1. Indicadores
    • 2.5.2. Registradores
    • 2.5.3. Transmissores
    • 2.5.4. Controladores
    • 2.6. Sensores eletrônicos
    • 2.7. Sensores de temperatura (PT-100, PT- 1000, NTC, PTC e TERMOPAR)
    • 2.8. Termistores
    • 3. Saúde Ocupacional
    • 3.1. Conceito
    • 3.2. Exposição ao risco
    • 4. Chave de partida soft-starter
    • 4.1. Introdução
    • 4.2. Definição
    • 4.3. Aplicação
    • 4.4. Parametrização
    • 5. Inversor de frequência
    • 5.1. Introdução
    • 5.2. Definição
    • 5.3. Aplicação
    • 5.4. Parametrização
    • 6. Controlador Lógico Programável
    • 6.1. Introdução
    • 6.2. Definição
    • 6.3. Aplicação
    • 6.4. Arquitetura
    • 6.5. Tipos de linguagens
    • 6.6. Programação
    • 7. Sistemas supervisório
    • 7.1. Definição
    • 7.2. Aplicação
    • 7.3. Conectividade local e remota
    • 7.4. Relatório gráfico
    • 7.5. Programação de atividades
    • 7.6. Funções de monitoração
    • 7.7. Funções de alarme simples e intuitivo
    • 8. Montagem de sistemas de automação aplicados à refrigeração e aclimatização
    • 8.1. Câmara frigorífica com pump down system
    • 8.2. Fabricador de gelo em escamas
    • 8.3. Condicionador de ar tipo self-contained com partida sequencial de compressores
  • GESTÃO DE PESSOAS
    • 1. Planejamento
    • 1.1. Etapas
    • 1.2. Organização
    • 1.3. Controle
    • 1.4. Níveis (estratégico, gerencial, operacional)
    • 2. Liderança
    • 2.1. Características
    • 2.2. Papéis do líder
    • 2.3. Críticas e sugestões: análise, ponderação e reação
    • 2.4. Gestão de conflitos
    • 2.5. Delegação
    • 2.6. Feedback (positivo e negativo) - Causas e efeitos
    • 2.7. Estilos: democrático, centralizador e liberal e autocrático
    • 3. Análise de problemas e tomada de decisão
    • 3.1. Formas de administração de conflitos
    • 3.1.1. Evasão
    • 3.1.2. Harmonização
    • 3.1.3. Supressão
    • 3.1.4. Acomodação
    • 3.2. APTD: Técnicas para resolução de problemas
    • 4. Negociação
    • 4.1. Princípios universais da negociação
    • 4.2. Negociação e seus motivos
    • 4.3. Estilos e princípios de negociação
    • 4.4. Interesses e posições
    • 4.5. Estratégias e táticas nas negociações
    • 4.6. Opções de ganhos mútuos e critérios objetivos
    • 4.7. Situações especiais de negociação
    • 4.8. Melhor opção em caso de não acordo
    • 4.9. Projeto do "seu" processo de negociação
    • 4.10. Relação fornecedor-cliente
    • 5. Estrutura Organizacional
    • 5.1. Formal e informal
    • 5.2. Funções e responsabilidades
    • 5.3. Organização das funções, informações e recursos
    • 5.4. Sistema de comunicação
    • 6. Coordenação de Equipe
    • 6.1. Definição da organização do trabalho e dos níveis de autonomia
    • 6.2. Gestão da rotina
    • 6.3. Tomada de decisão
    • 7. Cultura Organizacional
    • 8. Desenvolvimento de Equipes de Trabalho
    • 8.1. Motivação de pessoas
    • 8.2. Capacitação
    • 8.3. Avaliação de desempenho
    • 8.4. Processos de comunicação
    • 9. Administração de Conflitos
    • 9.1. Identificação
    • 9.2. Expressão de emoções
    • 9.3. Intervenção em conflitos
    • 10. Planejamento estratégico: conceitos
    • 11. Relações com o mercado
    • 12. Treinamento
    • 12.1. Planejamento e desenvolvimento
    • 12.2. Avaliação dos resultados
    • 12.3. Técnicas de treinamento
  • PROJETO DE INSTALAÇÃO EM SISTEMAS DE CLIMATIZAÇÃO
    • 1. Qualidade
    • 1.1. Ferramentas da qualidade
    • 1.1.1. PDCA
    • 1.1.2. Diagrama Causa e Efeito (Ishikawa)
    • 1.1.3. Brainstoring
    • 1.1.4. Gráfico pareto
    • 1.2. Conceitos e procedimento de qualidade
    • 1.3. Gestão da qualidade
    • 1.3.1. Satisfação do cliente
    • 1.3.2. Produtividade
    • 2. Qualidade Total
    • 2.1. Conceito
    • 2.2. Eficiência
    • 2.3. Eficácia
    • 2.4. Melhoria contínua
    • 3. Ferramentas da Qualidade
    • 3.1. Ciclo PDCA
    • 3.2. Brainstorming
    • 4. Qualidade (conceito e aplicação)
    • 5. Projeto
    • 5.1. Definição
    • 5.2. Características
    • 5.2.1. Melhoria
    • 5.2.2. Inovação
    • 5.3. Concepção
    • 5.3.1. Proposição do objetivo
    • 5.3.2. Prospecção
    • 5.3.3. Análise de dados (fontes de pesquisa, viabilidade funcional, técnica, econômica, ambiental, saúde e segurança no trabalho)
    • 5.3.4. Elaboração de cronograma de desenvolvimento (etapas de execução, etapas de ajuste)
    • 5.3.5. Registro das informações
    • 6. Orçamento
    • 6.1. Componentes mecânicos,eletroeletrônicos e eletromecânicos
    • 6.2. Materiais de consumo
    • 6.3. Instrumentos
    • 6.4. Ferramentas
    • 6.5. Mão de obra
    • 6.6. Serviços terceirizados
    • 6.7. Tempo de execução
    • 6.8. Obras de infraestrutura
    • 6.9. Transporte de pessoas e materiais
    • 7. Coleta de dados
    • 7.1. Condições de utilização do ambiente
    • 7.2. Características físicas internas e externas do local, incluindo a posição geográfica
    • 7.3. Fontes internas de calor
    • 7.4. Fontes externas de calor
    • 7.5. Características e quantidade do produto a ser armazenado
    • 8. Cálculo estimativo de carga térmica
    • 8.1. Conforto térmico
    • 8.1.1. Metabolismo humano
    • 8.1.2. Formas de transmissão de calor do corpo humano
    • 8.1.3. Gráficos de conforto térmico
    • 8.2. Características dos ambientes
    • 8.3. Fontes geradoras de calor
    • 8.4. Normalização
    • 8.5. Cálculos estimativos de carga térmica
    • 9. Dimensionamento e seleção do equipamento de climatização
    • 9.1. Tipo de sistema de climatização
    • 9.2. Escolha do refrigerante
    • 9.3. Número de estágios do sistema
    • 9.4. Tipo de elemento de expansão
    • 9.5. Definição do tipo de automação
    • 10. Projeto e dimensionamento de tubulações de climatização
    • 11. Dimensionamento de dutos através do cálculo da perda de carga da instalação em trechos retos e singularidades de dutos
    • 12. Seleção dos controles e automação do sistema
    • 13. Especificação e seleção de materiais
    • 14. Estudos de viabilidade: econômica e ambiental
    • 15. Elaboração de cronograma de execução
    • 16. Ferramentas de acompanhamento de etapas do projeto
    • 17. Elaboração de plano de manutenção
    • 18. Elaboração de documentação técnica do projeto(memorial descritivo do projeto)
    • 18.1. Necessidade do cliente
    • 18.2. Tipo de sistema a ser instalado
    • 18.3. Leiautes do projeto
    • 18.4. Componentes mecânicos eletroeletrônicos e eletromecânicos
    • 18.5. Normas técnicas
    • 18.6. Normas ambientais
    • 18.7. Normas de saúde e segurança
    • 18.8. Custos da execução de instalação
    • 18.9. Viabilidade econômica
    • 18.10. Viabilidade ambiental
    • 18.11. Prazos de execução da instalação
    • 18.12. Plano de manutenção
  • PROJETOS DE INSTALAÇÃO EM SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO
    • 1. Conceitos de Planejamento, Organização e Controle
    • 2. Inovação
    • 2.1. Conceito
    • 2.2. Inovação x melhoria
    • 2.3. Visão inovadora
    • 3. Projeto
    • 3.1. Definição
    • 3.2. Características
    • 3.2.1. Melhoria
    • 3.2.2. Inovação
    • 3.3. Concepção
    • 3.3.1. Proposição do objetivo
    • 3.3.2. Prospecção
    • 3.3.3. Análise de dados (fontes de pesquisa, viabilidade funcional, técnica, econômica, ambiental, saúde e segurança no trabalho)
    • 3.3.4. Elaboração de cronograma de desenvolvimento (etapas de execução, etapas de ajuste)
    • 3.3.5. Registro das informações
    • 4. Orçamento
    • 4.1. Componentes mecânicos,eletroeletrônicos e eletromecânicos
    • 4.2. Materiais de consumo
    • 4.3. Instrumentos
    • 4.4. Ferramentas
    • 4.5. Mão de obra
    • 4.6. Serviços terceirizados
    • 4.7. Tempo de execução
    • 4.8. Obras de infraestrutura
    • 4.9. Transporte de pessoas e materiais
    • 5. Coleta de dados
    • 5.1. Condições de utilização do ambiente
    • 5.2. Características físicas internas e externas do local, incluindo a posição geográfica
    • 5.3. Fontes internas de calor
    • 5.4. Fontes externas de calor
    • 5.5. Características e quantidade do produto a ser armazenado
    • 6. Cálculo estimativo de carga térmica
    • 6.1. Fontes geradoras de calor
    • 6.2. Normalização
    • 6.3. Formas de transmissão de calor
    • 6.4. Cálculos estimativos de carga térmica em câmaras frigorificas , balcões, ilhas, entre outros
    • 7. Seleção dos controles e automação do sistema
    • 8. Especificação e seleção de materiais
    • 9. Estudos de viabilidade: econômica e ambiental
    • 10. Elaboração de cronograma de execução
    • 11. Ferramentas de acompanhamento de etapas do projeto
    • 12. Elaboração de plano de manutenção
    • 13. Elaboração de documentação técnica do projeto(memorial descritivo do projeto)
    • 13.1. Necessidade do cliente
    • 13.2. Tipo de sistema a ser instalado
    • 13.3. Leiautes do projeto
    • 13.4. Componentes mecânicos eletroeletrônicos e eletromecânicos
    • 13.5. Normas técnicas
    • 13.6. Normas ambientais
    • 13.7. Normas de saúde e segurança
    • 13.8. Custos da execução de instalação
    • 13.9. Viabilidade econômica
    • 13.10. Viabilidade ambiental
    • 13.11. Prazos de execução da instalação
    • 13.12. Plano de manutenção
    • 14. Dimensionamento e seleção do equipamento de refrigeração
    • 14.1. Escolha do refrigerante
    • 14.2. Número de estágios do sistema
    • 14.3. Níveis de temperatura de evaporação
    • 14.4. Tipo de elemento de expansão
    • 14.5. Definição do tipo de degelo
    • 14.6. Intervalos de degelo
    • 14.7. Definição do tipo de automação
    • 15. Projeto e dimensionamento de tubulações de refrigeração
  • ESTÁGIO SUPERVISIONADO/TCC

Carga Horária

1400 Horas
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT